Colunistas

O Último do ano!

03/12/2019 - 08h:52min
Alvorino Osvaldt - Controle Geral

O Último do ano!

Como sabemos, um ano tem doze meses. Quando o iniciamos o ano, lá em janeiro, no mais das vezes estamos cheios de esperanças de que este sim, será um ano maravilhoso e cheio de coisas boas para se viver! É óbvio que ele assim poderá ser, mas também poderá não ser, pois do futuro ninguém sabe, cabe-nos apenas ter a esperança de que nossos dias sejam todos auspiciosos. Mas a cada dia podem surgir surpresas que muitas vezes não estamos preparados para enfrentar de maneira adequada. Resta-nos saber superar os maus momentos e enfrentar com alegria os bons que nos surpreendem. Por vezes gostaríamos de encontrar um atalho para saber mais sobre a vida, e admitamos, sem egoísmo, continuamos a perseguir um significado para nossa própria existência e isso tem um custo elevado, às vezes nos sentimos já sem crédito, usando uma forma onerosa de cheque especial, já sacando a descoberto. Essa busca não é resultado de uma crise qualquer, é bem mais antiga, remonta à nossa consciência, época em que começamos a perceber que havia algo além do nosso quintal. Admiramos as pessoas que conseguem viver e preocupar-nos apenas com o dia presente, que por si só, nesse tempo onde tudo é tão rápido e complexo, já é muito. E agora já nos vemos em dezembro novamente! E o corre-corre do dia a dia continua e nós continuamos com a esperança de que chegue ao final do ano e que tudo esteja bem. E será que estará? Isso é o que esperamos, mas desde que a esperança não esteja apenas nos presentes, mas  também nos amigos, no amor, no bem comum, na certeza de vivermos de bem com todos, mas principalmente com os nossos! Que o seu dezembro possa ser excelente!

O Rotativo está chegando!

Após mais de três anos de preparativos, marchas e contramarchas, finalmente está em fase final de execução o projeto do estacionamento rotativo. Há uma expectativa no ar. Primeiro veio a demarcação dos locais onde haverá a cobrança, depois as instruções para a arrecadação. Se você ainda não sabe como se dará o funcionamento, procure informar-se no CLIC – nas nossas paginas tem tudo a respeito! Existem muitos funcionários ao longo das vias instruindo as pessoas para que não incorram em erro e assim não venham a ter prejuízos. Agora, quarta-feira, dia 4, começa a cobrança, e com ela o tão sonhado momento. Os comerciantes são os que aguardam com maior ansiedade a hora em que a frente de suas lojas ficará livre para que aqueles que desejam estacionar para comprar possam usufruir de um espaço sem ter de rodar quadras e quadras para achar um local onde colocar o seu veículo. Mas será assim? Será que os clientes estarão tão ávidos a procura de espaços? Teremos que aguardar até que tudo esteja funcionando para saber o que acontecerá. A expectativa é de que todos saiam deste momento satisfeitos: Os comerciantes, por receberem a presença dos tão esperados clientes, os donos de veículos, por finalmente acharem um local fácil para estacionar, a população por estar bem servida com um trânsito que lhe satisfaça as exigências. Tomara que tudo dê certo, pois aí todo o esforço será coroado de êxito! 

Prá você pensar:

“Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso. Nunca se sabe qual é o defeito que sustenta nosso edifício inteiro”. (Clarice Lispector)

Camaquã (RS), 02 de dezembro de 2019.

deixe seu comentário