Variedades

Suzana Vieira revela que não pretende se casar mais e que teve 300 crushes gays na pandemia

Atriz fez revelações divertidas durante participação no programa Encontro com Fátima Bernardes desta quinta-feira (14)
Por: Eduardo Costa | Publicado: 14/10/2021 às 14:32 | Alterado: 20/10/2021 às 17:18
Atriz fez revelações divertidas durante participação no programa Encontro com Fátima Bernardes
Atriz fez revelações divertidas durante participação no programa Encontro com Fátima Bernardes

A atriz Susana Vieira, 79 anos, fez revelações divertidas durante a sua participação no programa Encontro com Fátima Bernardes da Rede Globo na manhã desta quinta-feira (14). A artista afirmou que não pretende se casar mais e comentou os casos virtuais que teve durante a pandemia. Além disso, ela revelou já ter namorado com homens gays.

" Nessa pandemia eu tive alguns casinhos virtuais, mas fica tão chato. Sou a rainha dos gays. Tenho muito amigo gay. Tive muitos namoros [com] gays. Mas eu via que quando a pessoa não se manifestava, é porque me amava mas era gay. Quando acabar isso, não vai ter beijo. Tive 300 crushes gays na pandemia ", disparou  Suzana . 

Leia também: Coldplay é atração confirmada no Rock in Rio em 2022

Suzana Vieira, que estava sendo entrevistada por Patrícia Poeta e Manoel Soares, que substitui a titular do programa, Fátima Bernardes, que se recupera de uma cirurgia no ombro, foi questionada pela plateia sobre casamento. A artista disparou!

" Ainda, meu amor? Casei tanto que cansei. Não pretendo. Não sei se é por causa da idade que eu não casei mais. As pessoas de mais idade ficam em uma carência. Quando começou a pandemia eu não estava casada e isso foi bom. Porque passar uma pandemia mal casada ia ser horrível ", respondeu bem humorada. 

Durante o programa, foi feita uma homenagem à Suzana Vieira, pelos mais de 50 anos de trabalho na TV Globo. A atriz se divertiu ao rever as imagens do passado.

Leia também: Criador do Rock in Rio fala sobre a exigência do comprovante de vacinação para o evento

" Eu não tenho nenhuma diferença com cirurgia plástica, nem com colocar boca. Mas com os outros, comigo eu tenho. Deus me ajudou. Eu sei que televisão é close. O brasileiro é muito ligado à juventude. Eu tive a bênção de ter uma genética boa e não abusar de nada que fosse químico. Deixei a velhice chegar. Eu tenho o maior orgulho de dizer para vocês que o que eu fiz foi ginástica, comer bem, como de tudo, nunca fiz dieta nenhuma. Adoro feijão com arroz, dobradinha, rabada ", afirmou  Vieira . 

Leia também: Ator de O Senhor dos Anéis interpretará Zé do Caixão em novo projeto

Éramos Seis a impediu de viver novo romance

Segundo Susana, as gravações da novela "Éramos Seis", antes do isolamento social, exigiam muito. Faltava tempo para sair e conhecer novas pessoas. Quando o lockdown começou, então, ela estava sem ninguém. 

"Era uma novela de época, eu fazia um papel triste, com roupas de época. Era difícil um gato olhar para mim e falar 'nossa, que delícia'. Gravava horas e horas a fio, não ia para uma boate, para um pagode, saía para nada", contou, aos risos. 

Nos primeiros dias isolada, Susana confessa que sentiu falta de um companheiro. Depois, ela se acostumou com a própria companhia e não quis ter mais ninguém.

"Achei tão bom. [Poder] atravessar aquela casa inteira nua, cheia de cachorrinhos", completou ela, que passou mais de um ano sem beijar na boca.

Leia também: “Sou de todas as cores”, disse a ex-BBB Gyselle Soares após críticas à personagem negra

Liberdade para se relacionar

Mesmo sem vontade de casar, Susana não fechou a porta para os contatinhos. Recentemente, ela deu uma entrevista para o "Jornal O Globo" e falou sobre sexualidade depois dos 50 anos. A atriz, que já se relacionou com homens mais novos, atribui ao machismo o pensamento de que as mulheres perdem a libido com o passar do tempo.

"Essa coisa de que a mulher perde a vontade de namorar ou transar depois dos 50 é ignorância. Acho que faz parte do machismo brasileiro, que é exagerado", declarou à publicação.

Susana ainda contou que seus relacionamentos com homens bem mais novos começaram porque eles "acham alguma graça" nela.

Leia também: William Bonner adquire Ford Escort XR3 de Ayrton Senna

"Não dei apartamento para nenhum deles, meu amor, nem carro. Posso até ter dado uma moto (solta uma gargalhada). Essas pessoas mais jovens conseguem levar uma vida conjugal comigo porque sou engraçada, trabalho fora, não encho o saco nem telefono. Quero saber é do meu texto e se vou beijar o Cauã Reymond na próxima cena", brincou.
deixe seu comentário