Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • banner felice 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494

Suspeitos de praticar estupros contra menores em abrigos do RS são presos

Mais de 30 pessoas já foram presas por crimes em meio às enchentes que atingem o Rio Grande do Sul


Por Pablo Bierhals Publicado 09/05/2024
 Tempo de leitura estimado: 00:00
polícia clic polícia clic polícia clic plantão policial urgente
Foto: Plantão Policial/Clic Camaquã

A Polícia Civil investiga casos de estupros contra menores de idade em abrigos do Rio Grande do Sul. Em dias diferentes, ao menos quatro homens foram presos suspeitos de cometer abusos sexuais dentro de abrigos na região metropolitana de Porto Alegre destinados às vítimas das fortes chuvas que atingem o Rio Grande do Sul.

O caso de Viamão aconteceu em uma chácara, que não é um abrigo oficial da prefeitura. A Polícia Civil prendeu preventivamente, na manhã desta quarta-feira (8), um homem de 24 anos. A vítima é uma criança de seis anos.

A Brigada Militar e a Polícia Civil informaram que o policiamento foi reforçado nos abrigos da capital e da Grande Porto Alegre. A Polícia Civil diz que realiza rondas 24 horas e compartilha informações com os desabrigados e voluntários.

Ao todo, segundo os dados divulgados pela Brigada Militar, ao menos 32 pessoas foram presas por vandalismo, invasões e danos ao patrimônio em meio às enchentes que atingem o Rio Grande do Sul.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • banner felice 2
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)