Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664

Suspeitos de matar jovem que morava em caminhão às margens da freeway devido às enchentes são identificados pela Polícia

A esposa do jovem também estava no caminhão no momento do crime


Por João Victor Fagundes Publicado 22/05/2024
Ouvir: 00:00
caminhao morte
Foto: Polícia Civil

Três suspeitos de assassinar Douglas Gabriel Santana, de 21 anos, foram identificados pela Polícia Civil. O crime ocorreu na noite do último sábado (18) às margens da freeway (BR-290). A vítima estava morando com a esposa temporariamente em um caminhão após perder todos os bens nas enchentes que atingiram o estado.

O assassinato do jovem ocorreu perto da meia-noite, no km 92 da rodovia, na altura do bairro Anchieta, em Porto Alegre. Os três suspeito foram identificados, no entanto, a Polícia Civil não revelou a identidade do trio acusado de cometer o crime.

— Ele estava dentro do caminhão, chegaram três indivíduos que o chamaram e efetuaram três disparos contra a cabeça e um nas costas. O motivo ainda está em apuração — afirma o delegado Eric Seixas, responsável pela investigação.

Segundo o delegado Seixas, Douglas Gabriel tinha antecedentes criminais por roubo, receptação, tráfico e homicídio e já teria tido sua prisão decretada. Conforme a polícia, nenhuma hipótese sobre a motivação do crime pode ser descartada.


  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • TEXEIRA GÁS ultragaz