Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • clarão—970×90
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)

ONG de Cachoeirinha é investigada por desvio de doações

A investigação começou após uma operação realizada no dia 19 de maio, que cumpriu mandados de busca e apreensão em um depósito na cidade


Por Pablo Bierhals Publicado 27/05/2024
Ouvir: 00:00
FOTO 180×720 (41)
Foto: MPRS/Divulgação

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Rio Grande do Sul (GAECO/MPRS) está investigando o desvio de doações em uma ONG localizada em Cachoeirinha. A investigação começou após uma operação realizada no dia 19 de maio, que cumpriu mandados de busca e apreensão em um depósito na cidade.

Documentos e Materiais Apreendidos

Durante a operação, foram apreendidos documentos, celulares e mídias, que estão sendo minuciosamente analisados. As ações fazem parte de um esforço para combater atividades criminosas com motivações políticas. Três suspeitos estão sendo investigados pelo MPRS após uma denúncia indicar irregularidades: dois dias antes da operação, uma carreta carregada com donativos de outro estado foi descarregada em um depósito não oficial.

Operação do GAECO e NIMP

A apuração inicial foi conduzida pelo Núcleo de Inteligência do MPRS (NIMP), que identificou fortes indícios de apropriação indevida dos donativos. Os suspeitos, que possuem envolvimento político no município, são o foco da investigação. A operação foi autorizada judicialmente e coordenada pelos promotores de Justiça do GAECO, André Dal Molin e Maristela Schneider, responsáveis pelo Núcleo Regional – Metropolitana.

Implicações e Investigações em Andamento

Os indicativos de desvio de doações para fins políticos são graves e estão sendo tratados com rigor pelo GAECO/MPRS. As autoridades estão empenhadas em esclarecer os fatos e responsabilizar os envolvidos. A investigação continua em andamento, e novas informações serão divulgadas conforme o progresso das análises.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)