Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • cq-01
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • WhatsApp Image 2024-02-01 at 16.56.45
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • 2024 BANNER TOPO CAPA DE SITE DIA DE CAMPO DESKTOP
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • globalway (1)

Santa-mariense de 26 anos é encontrado morto em rio, em São Lourenço do Sul

Igor da Rosa Gomes, o Magrão, estava desaparecido há três dias


Por Redação/Clic Camaquã Publicado 27/04/2014
 Tempo de leitura estimado: 00:00

Bombeiros da 5ª seção de Combate a Incêndio de São Lourenço do Sul localizaram o corpo de Igor da Rosa Gomes, 26 anos, o Magrão, na tarde deste domingo, no Arroio São Lourenço. Conforme amigos e familiares da vítima, o jovem, que é de Santa Maria, estava desaparecido desde quinta-feira. O desaparecimento foi comunicado nas redes sociais, em uma corrente em busca de informações. 

Na última quarta-feira, Magrão foi a um evento, o Mental Tchê, e ficou hospedado em um camping. Naquela mesma noite, ele teria ido a uma festa e, para chegar ao local da confraternização, teve de pegar um barco e atravessar o arroio. A última travessia diária feita pela embarcação ocorria às 4h, mas Magrão não retornou ao camping.

Amigos que estava com ele no evento, registraram ocorrência na polícia sobre o desaparecimento. O grupo que foi com ele para São Lourenço voltou para Santa Maria, mas dois amigos de Magrão seguiram na cidade, procurando por ele. O corpo foi localizado por volta das 15h30min deste domingo, às margens do arroio, e levado ao DML de Pelotas para necropsia. Os bombeiros acreditam que ele tenha perdido a última embarcação e tentado voltar nadando ao camping em que estava hospedado.

Magrão é um dos fundadores do Coletivo de Resistência Artística Periférica (Co-Rap) de Santa Maria. Ele ajudava a organizar festivais de música, entre eles, batalhas de hip-hop, que, geralmente, aconteciam em espaços públicos da cidade, como a Praça dos Bombeiros e a gare. Até as 18h deste domingo, não havia informações sobre o sepultamento de Magrão. A página do jovem no Facebook já reúne muitas mensagens de despedida e saudade dos amigos.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • WhatsApp Image 2024-02-01 at 16.56.45
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • cq-01
  • globalway (1)
  • 2024 BANNER TOPO CAPA DE SITE DIA DE CAMPO DESKTOP