Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • clarão—970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)

Quarto suspeito de furtar carga de arroz no Banhado do Colégio é preso

Segundo a Polícia Civil, resta apenas um integrante da quadrilha foragido


Por Pablo Bierhals Publicado 11/06/2024
Ouvir: 00:00
Delegacia de Pronto Atendimento de Camaquã
Foto: Clic Camaquã

No início da tarde desta terça-feira (11), a Delegacia de Polícia de Camaquã e a Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e de Abigeato (Decrab) prenderam preventivamente mais um integrante da quadrilha de furto de carga de arroz, dando continuidade à Operação SAFE RICE deflagrada nesta manhã pela Polícia Civil, onde outros três foram presos.

O homem, de 54 anos, foi preso no bairro Carvalho Bastos e, após os procedimentos de praxe, foi encaminhado ao Presídio Estadual de Camaquã. No momento, resta apenas um integrante da quadrilha foragido.

A operação batizada como “Safe Rice” , ou “Arroz Seguro” na tradução livre, foi iniciada há cerca de dois meses após o registro de um furto de carga de arroz no Banhado do Colégio, interior de Camaquã. Conforme a Polícia, um funcionário de um engenho de arroz facilitou e auxiliou no desvio de uma carga de arroz avaliada em torno de R$ 35.000,00. Após a identificação dos autores do furto, as autoridades afirmam que também localizaram a conta em que o dinheiro foi depositado, logo em seguida bloqueando-a judicialmente.

Durante a manhã, a polícia realizou a prisão de três homens, 25, 36 e 42 anos, envolvidos no crime. Eles foram presos nos bairros Viégas e Cônego Walter e em seguida foram encaminhados ao Presídio Estadual de Camaquã.


  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • globalway (1)