Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • UNIFIQUE CMQ – Banner 970x90px
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • TEXEIRA GÁS ultragaz (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • cq-01
  • globalway (1)
  • WhatsApp Image 2024-04-02 at 17.18.51
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111

Polícia Civil realizará paralisação nesta terça-feira (08)

Profissionais reivindicam o resgate da simetria salarial entre os comissários de Polícia e os capitães da Brigada Militar


Por Redação/Clic Camaquã Publicado 07/08/2023
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Polícia prende suspeito de tentativa de homicídio no domingo de Eleições em Camaquã
Foto: Ilustrativa

A Polícia Civil realiza a partir desta terça-feira (08), o primeiro dia de paralisação unificada da categoria, contra salários defasados e promoções atrasadas. Entre outros pontos, os policiais civis reivindicam o resgate da simetria salarial entre os comissários de Polícia e os capitães da Brigada Militar e o apoio do governo ao PL 04/2023, que busca a paridade e a integralidade aos policiais que ingressaram após 2015.

Já, na quarta-feira (09), o Sindicato dos Escrivães, Inspetores e Investigadores da Policia Civil do Rio Grande do Sul (Ugeirm) promete um segundo dia de paralisação no Estado.

A ação tem o objetivo de pressionar o governo gaúcho. O vice-presidente Ugeirm, Fábio Nunes Castro, destaca a importância do protesto:

“O movimento tem por objetivo chamar atenção do governo para uma abertura de diálogo mais efetiva em relação a nossa pauta”, afirmou.

Segundo Nunes, a segurança pública vem apresentando “números bastante significativos ”em relação ao combate à criminalidade sem o devido reconhecimento aos profissionais da área. Apesar da paralisação, a categoria garante a manutenção de serviços essenciais. 

Em Camaquã, a concentração a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA). A orientação é para que não haja circulação de viaturas. Não haverá cumprimento de mandados de busca e apreensão, mandados de prisão, operações policiais, serviço cartorário, entrega de intimações, oitivas, remessa de IPs ao Poder Judiciário e demais procedimentos de polícia judiciária.

As DPPAs e plantões somente atenderão os flagrantes e casos de maior gravidade, tais como: homicídios;

Estupros;

Ocorrências envolvendo crianças, adolescentes e idosos,

Lei Maria da Penha;

Ocorrências em que os (as) plantonistas julgarem imprescindível a intervenção imediata da Polícia Civil.

Fonte: Correio do Povo


  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • UNIFIQUE CMQ – Banner 970x90px
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • WhatsApp Image 2024-04-02 at 17.18.51
  • TEXEIRA GÁS ultragaz (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • cq-01