Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • 970×90 (3)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • clarão—970×90

Idoso é morto por ser contrário ao tráfico em Porto Alegre, afirma Polícia

Polícia Civil investiga homicídio no bairro Cristal como tentativa de silenciar morador de 69 anos. Outra vítima segue em estado grave no hospital.


Por Redação Clic Camaquã Publicado 27/09/2019
Ouvir: 00:00

A morte de Neri de Moraes, 69 anos, na tarde de quinta-feira (26), no bairro Cristal, Zona Sul de Porto Alegre, é investigada como execução. Segundo o delegado Newton Martins, da 6ª Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP), ele seria contrário ao tráfico na região da Vila Resvalo e sofreu tentativa de assassinato há um ano.

De acordo com o delegado, os crimes não podem ser relacionados diretamente. No entanto, acredita que a atuação do morador, que vivia há muitos anos na comunidade, pode ter motivado a ação de traficantes a cerca de 100 metros da casa de Neri:

“Já tinha um embate com o tráfico há algum tempo, se posicionava firmemente contra. Foram levantados os autores, eles foram presos. Porém, embora a gente siga essa linha de investigação, não há elementos concretos que possam vincular aquela tentativa anterior com esta de agora.”

Para o delegado Newton, a característica da execução indica para, pelo menos, dois atiradores com pistolas 9mm. Segundo ele, três grupos disputam o controle do tráfico no local, considerado estratégico e rentável. Os três, entretanto, vinculados a uma mesma corrente que domina o tráfico de drogas da Zona Sul da Capital.

“Este ano, temos quatro ou cinco homicídios tentados ou consumados ali. Vários (suspeitos) foram presos. Em uma operação, foram oito. Mas por ser central e tráfico rentável, recebe apoio de outros grupos. Mesmo que todos sejam presos, virão pessoas de outros lugares para dar continuidade àquele ponto de tráfico”, afirma.

Van foi atingida por cerca de 60 tiros, segundo a polícia — Foto: Reprodução / RBS TV

Van foi atingida por cerca de 60 tiros, segundo a polícia — Foto: Reprodução / RBS TV

Um morador, que não quer ser identificado, confirma que Neri não tinha vínculos com os traficantes:

“Fazia trabalho com reciclagem, tinha um furgão. Trabalhador mesmo e, dizem, era contra.”

Outro morador reforça que os confrontos entre traficantes são constantes. Ele descreve que o armamento usado é de grupos bastante estruturados:

“Tiro com arma de repetição, pistola automática, metralhadora, fuzil. Não é 38. Quando tu vê, acontece (um tiroteio).”

Para a polícia, o problema não é apenas policial, mas demanda uma atenção mais profunda sobre a criminalidade na região.

“Quando a gente olha essa área, ela não é carente de policiamento ostensivo. Ela é carente de toda uma política estatal que traga mais dignidade para aquele público. Ambas as polícias são bastante presentes”, avalia o delegado Newton.

Outra vítima foi atingida na cabeça pelos disparos e está em estado grave no hospital. Ela rebocava a van do idoso a cerca de 100 metros da casa dele.


  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • BANNER UNICRED 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • clarão—970×90
  • globalway (1)
  • 970×90 (3)