Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • 970×90 (3)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • globalway (1)
  • clarão—970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)

Seis anos depois: Entenda o acidente do voo Lamia 2933 que vitimou time da Chapecoense

Entre passageiros e tripulantes, setenta e uma pessoas morreram na queda do avião que levava a delegação da Chapecoense


Por Redação Clic Camaquã Publicado 29/11/2022
Ouvir: 00:00
Entenda o acidente do voo Lamia 2933 que vitimou time da Chapecoense
Entenda o acidente do voo Lamia 2933 que vitimou time da Chapecoense

No dia 29 de novembro de 2016, acontecia um dos episódios mais tristes do esporte Mundial. A caminho da disputa da final da Copa Sulamericana pela primeira vez, um acidente com conotações criminosas tirava a vida de grande parte do elenco da Chapecoense.

O Voo 2933 da empresa LaMia saiu de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, e tinha como destino o Aeroporto Internacional José María Córdova, em Rionegro, Colômbia. Após uma série de erros (assista baixo), a aeronave caiu perto do local chamado Cerro El Gordo (hoje Cerro Chapecoense).

O avião levava 77 pessoas, tendo como passageiros: atletas, equipe técnica e diretoria do time brasileiro, jornalistas e convidados. Todos eles iriam a Medellín, onde o clube disputaria a primeira partida da Final da Copa Sul-Americana de sua história contra a equipe do Atlético Nacional.

Entre passageiros e tripulantes, setenta e uma pessoas morreram na queda do avião. Seis pessoas foram resgatadas com vida. Pelo número de vítimas, a tragédia é a maior da história com uma delegação esportiva e a maior do jornalismo brasileiro.

Na última hora do voo, piloto e co-piloto tiveram diversas oportunidades de evitarem o acidente. O canal “Aviões e Músicas” trouxe um episódio especial para explicar cada ponto que acabou resultando na tragédia. Assista:

Entenda o acidente do voo Lamia 2933 que vitimou time da Chapecoense

  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • BANNER UNICRED 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 970×90 (3)
  • clarão—970×90
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494