Esporte

Presidente fala sobre volta do Guarany de Camaquã às competições "É uma possibilidade alcançável"

No aniversário de 75 anos do Bugre, presidente falou sobre possibilidade de que o time volte a competir
Por: Elias Bielaski | Publicado: 16/06/2021 às 15:59 | Alterado: 23/06/2021 às 22:40
Foto: Igor Garcia / Clic Camaquã
Foto: Igor Garcia / Clic Camaquã

Nesta quarta-feira, 16 de junho, o Guarany de Camaquã completa 75 anos desde sua fundação, ocorrida no ano de 1946. Para falar um pouco sobre a história do mais tradicional clube de Camaquã, o programa A Hora e a Vez do Esporte recebeu Marcus Soares, presidente do clube, e Alessandro Braga Martins, o 'Japa', preparador físico e professor da Escolinha do Guarany. 

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

No programa, eles trouxeram detalhes sobre a situação vivida pelo Bugrão, que desde o início da atual gestão, tem como foco a responsabilidade financeira. Questionado pelo apresentador Celiomar Garcia, o presidente falou sobre a possibilidade volta do Guarany às competições:

"É uma possibilidade alcançável. Temos muitos desafios e precisamos nos estruturar. Penso que se desse tempo na minha gestão, em caminhar nisso. Deixar o clube organizado, fazer reformas, questões fiscais, conseguir patrocinadores e conseguir parcerias para a marca Guarany com contratos bem elaborados"

O presidente manteve os pés no chão e destacou que é importante trabalhar com uma projeção de valor para se entrar em qualquer competição.

Receba as notícias do Clic no WhatsApp.

Assista a entrevista completa:

Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

Durante a tarde desta quarta-feira (16), o repórter Igor Garcia foi até o Estádio Coronel Silvio Luis, no Centro de Camaquã, e conversou com três figuras ligadas ao clube. Primeiro, o professor Japa falou sobre o dia a dia e sobre os desafios do Bugrão atualmente.

Depois, Celiomar Garcia contou sobre as experiências vividas acompanhando o Guarany em sua fase profissional e também nas disputas de competição de base mais recentes.

No final da transmissão, a reportagem conversou com Carlos Maciel Medeiros, jogador que vestiu a camisa 9 no Guarany em sua era profissional. Maciel contou sua trajetória como atleta e também como dirigente do Guarany.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Assista:

Na transmissão, o professor falou que atualmente os trabalhos já começam desde os quatro anos: "Eles precisam saber desde pequenos aprender o que é o Guarany, a amar o Guarany", contou. Segundo Japa, a prioridade é valorizar cada aluno, já que a base é o principal foco atualmente.

Clique aqui e confira mais matérias sobre a história do Guarany de Camaquã.

Corria o ano de 1946, e o Clube Atlético Camaqüense era a única agremiação de caráter futebolístico de Camaquã. O campo da equipe se situava na área do Jockey Clube da cidade, ao lado do pavilhão social.

Jogadores do Atlético Camaqüense, irritados por não estarem recebendo uma oportunidade naquele clube, decidiram formar uma nova equipe em Camaquã. A colocaram o nome de Guarany Futebol Clube, inspirados no Guarany, de Bagé, cidade em que prestavam o serviço militar obrigatório.

O Guarany de Camaquã só se profissionalizou em 2010, sendo que, em sua época amadora, tinha como principal rival, a Sociedade Esportiva Cristal. 

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

Depois de boas campanhas e destaque nas competições, com a quase ascensão para a 1ª Divisão em 2012, em 2013 o Guarany passou pelo pior momento desde a sua profissionalização em 2010: Após uma péssima campanha pela Série A2 do Campeonato Gaúcho, o clube foi rebaixado para a Segunda Divisão do Rio Grande do Sul.

Licenciou-se no ano seguinte e voltou a disputar competições profissionais somente em 2017. A falta de experiência da equipe refletiu no resultado dentro de campo e na competição: eliminação ainda na primeira fase da Segundona Gaúcha.

Em julho de 2020, o Guarany de Camaquã Guarany de Camaquã anunciou a entrada no mundo dos eSports. Acesse as redes oficiais do Guarany de Camaquã e-Sports. Pelo Facebook e Instagram você acompanha todas as atualizações.

Receba as notícias do Clic no WhatsApp.

deixe seu comentário