Polícia

Ministério Público denuncia jovem que matou vizinha após briga por cachorros

Jovem é acusado de homicídio quadruplamente qualificado por feminicídio, motivo torpe, recurso que impossibilitou a defesa da vítima e meio que gerou perigo comum
13/01/2021 - 14h:50min - Fonte: Ministério Público do RS

O Ministério Público denunciou um jovem pela morte da própria vizinha, em virtude de uma briga por cachorros. O denunciado é Vinícius Valério Dutra, de 19 anos, indiciado pela morte de Gabriela Dalenogare Cogo, em Santa Maria, na noite de 12 de dezembro de 2020.

Na peça protocolada segunda-feira, 11 de janeiro, na 1ª Vara Criminal da Comarca local, a promotora de Justiça Giani Pohlmann Saad imputa ao acusado os crimes de homicídio quadruplamente qualificado por feminicídio, motivo torpe, recurso que impossibilitou a defesa da vítima e meio que gerou perigo comum. Santos está recolhido no sistema prisional atualmente.

Conforme a promotora, que atua como substituta na 1ª Promotoria Criminal de Santa Maria, na noite do crime, às 22h12, Santos acertou dois tiros em Gabriela que lhe causaram hemorragia torácica interna. O crime ocorreu na oficina em que o companheiro da vítima trabalhava, em frente à residência do casal, onde era realizada uma confraternização. O denunciado aproximou-se da porta entreaberta da oficina, conforme imagens de câmeras juntadas aos autos, e disparou vários tiros após direcionar a arma para o ponto de abertura da porta.

“Os fatos se deram por motivo torpe, pois o denunciado agiu buscando vingança devido à reclamação verbal do núcleo familiar da vítima a respeito da inconformidade do uso de bombinhas em direção a cães da família nos dias anteriores ao fato e no dia do ocorrido. E, também, por condições do sexo feminino, qualificadora objetiva do fato”, detalha a promotora.

deixe seu comentário