Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • globalway (1)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111

A IMPORTÂNCIA DA GRANDE ELEIÇÃO


Por Redação Clic Camaquã Publicado 26/09/2022
Ouvir: 00:00
candidatos

“Os gregos criaram, há três mil anos a democracia. O direito de o povo escolher seus governantes. A idéia evoluiu. De tal sorte que nós escolhemos quem deve nos administrar através do voto. Não justifica ficar em casa por ter mais de 60 anos; nem votar em branco”.

            No domingo, dia 02 de outubro teremos eleições para Presidente, Governador, uma vaga para Senador, por Estado; Deputados Federais e Estaduais. Sem dúvidas, uma das mais importantes eleições de nosso País, desde 1945. Como o foi a de 1989. Nesse caso, os mandatos vindos do Regime Militar haviam sido estendidos para 05 e depois para 06 anos. Por 05 anos ocupado o Planalto o Gen. Ernesto Geisel; e por 06 o Gen. João Batista Figueiredo.

Na última indireta, em janeiro/1985, o Vice Presidente eleito, José Sarney assumiu a Presidência pela morte de Tancredo Neves, ficou no poder por 05 anos. Assim, as eleições para Governadores e Legislativo voltaram a coincidir a partir de 1990; e de 1994 juntando a de Presidente.

Desta maneira e passados dois “impeachment” desde 1945, ou seja, de Fernando Collor de Mello e de Dilma Roussself, a eleição deste ano, em nível Federal, é uma as mais importantes. E por que?

Exatamente em razão de que a anterior, adveio depois de um afastamento da Presidente; um mandato terminado pelo Vice, Michel Temmer, e houve um fato inusitado durante a campanha: um candidato, com forte apoio popular na época, Jair Bolsonaro sofreu uma tentativa de assassinato que lhe afastou da disputa por vários dias. Então a atual é importante porque está transcorrendo com muitas disputas ideológicas, decorrentes das divergências anteriores.

De outro lado nunca se viu tanta discussão levada à apreciação da Justiça Eleitoral durante uma campanha. O que o candidato diz, ou onde ele diz passa a ser, de imediato, divulgado na mídia legalizada da imprensa televisionada ou radiofonizada; e na não organizada das redes sociais.

            Então a eleição se torna importante pelos interesses da população eleitora. Tanto pela ideologia das facções partidárias, como das idéias pregadas pelos diversos candidatos ao comando geral do País, como daqueles que procuram vagas legislativas.

            Embora existindo legislação específica contra candidaturas com registro de antecedentes não recomendáveis no exercício do cargo público há muitos e muitos candidatos, especialmente fora do Rio Grande do Sul, porquanto o gaúcho é mais exigente, sem dúvidas, com fichas sujas.

            Mesmo assim também aqui concorrem candidatos que sofrem investigação de procedimentos suspeitos durante mandatos eletivos. Candidatos a Deputados Estaduais e Federais que se sabem respondem por processos judiciais em razão da malversação de verbas públicas. Que concorrem sob amparo de recursos judiciais ainda não julgados. Desta forma descaracterizando a crida e não consolidada “ficha limpa”.

            Portanto é nossa obrigação, como eleitores e por tal detentor indireto do mandato de nossos representantes, em votar corretamente. Votar sério. Não permitir que se subestime a exigência do exercício honesto da função por mandato eletivo.

            ASSIM não é admissível que se deixe de votar. Por ter mais de 60 anos ou por não querer sair de casa. Ou, ainda, votar em branco. É preciso que se considere a importância dessa eleição para o bem do País, do Estado e de nossos representantes legislativos. É preciso votar certo. É importante entregar nosso voto a candidatos idôneos, honrados. Sem desperdiçar o voto.

EDIÇÃO DE 26 de setembro de 2022.___.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)