Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)

A campanha das mãos sujas


Por Redação Clic Camaquã Publicado 30/10/2017
Ouvir: 00:00

Essa eu ainda não conhecia. Conheci sim, e lá se vão algumas décadas a famosa “Campanha das Mãos Limpas”. EXPLICO: o Deputado Federal FERNANDO FERRARI pertencia ao “velho PTB”. Partido fundado por Getúlio Vargas em 1946.

Por questões internas de ter sido preterido para ser candidato a Vice Presidência da Republica no lugar de João Goulart, na eleição de 1960 ele disputou o cargo pelo MTR. Em princípio uma agremiação de cunho partidário que se originou de uma dissidência do PTB. Aquela sigla era chamada de Movimento Trabalhista Renovador. E Ferrari, que divergia da cúpula do PTB de então, dizia-se o “candidato das mãos limpas”.

Em verdade Ferrari era um idealista. Depois de ter sido Deputado Estadual constituinte em 1946, foi Deputado Federal. Nas 2 ocasiões pelo PTB de Getúlio. Embora pareça irreal ele disputou sozinho, vaga de Vice-Presidente. Desvinculado de qualquer Presidente. Era possível na legislação da época. Não se achou capaz de enfrentar a disputa para Presidente, na qual concorriam o demagogo Janio Quadros, Ademar de Barros e o Gen. Teixeira Lott. Este apoiado pelo PSD (antigo) e PTB (de Vargas), cujo Vice era João Goulart. Por absurdo que pareça, Janio não tinha Vice. E Ferrari que não tinha Presidente, perdeu. Ganhou João Goulart o qual após a renúncia do demagogo Janio, culminou em ser Presidente.

Mas o que interessa nessa geléia político histórica é que Ferrari fez a campanha das “Mãos Limpas”. Que repetiu para Governador em 1962, novamente derrotado. Faleceu em 1963.

Pois agora surgiu a campanha das “mãos sujas”. Como se verifica na Zero Hora (edição de 25, pág. 12). Mais precisamente o ex Presidente Lula, condenado na Operação LAVA JATO por corrupção, sujou as mãos de barro, no Rio Doce, em Governador Valadares, MG onde na prática fazia campanha para retornar ao cargo. O que ele nunca mais vai conseguir/.

Mas sujou as mãos, mostrando-as à imprensa como se fosse algo inédito, em peregrinação para tentar escapar da condenação que já sofreu e das outras tantas que estão em andamento. As últimas que se espera sigam o mesmo caminho da primeira: condenação. Por corrupção e lavagem de dinheiro. Este originário do, desvio de verbas públicas. Aliás, deveria ser condenado, também, por montagem fraudulenta de recibos de aluguel.

Para o bem do Brasil espera-se que ele nem mesmo consiga registrar sua candidatura. Seja confirmada a condenação, pelo Segundo Grau, antes dos prazos eleitorais. Mas, conseguindo ou não, com suas mãos sujas pela dilapidação do erário público, por certo não vencerá.


  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • globalway (1)