Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • clarão—970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494

Adriano Kath apresenta livro revelando personagens das ilhas do rio Camaquã


Por Redação Clic Camaquã Publicado 29/04/2022
Ouvir: 00:00
Clic 70 - O livro de Adrianov

Embora ainda não tenha ocorrido o lançamento oficial da obra “Dossiê pretérito: ilhas do Rio Camaquã”, o pesquisador, escritor e escultor Adriano Signorini Kath, vem colhendo bons frutos desta edição histórica, onde faz sua estreia como autor literário. O livro traz relatos de familiares do escritor, vizinhos e moradores das ilhas do rio Camaquã, fruto de entrevistas que Kath vem realizando ao longo dos anos, além de uma pesquisa cuidadosa com referências em obras de importantes autores gaúchos enriquecida com fotografias, documentos e peças garimpadas em acervos particulares.

Kath lança seu primeiro trabalho, e também é autor de três fascículos, que esperam por edição, e que contam a história das ilhas do final do século XVIII aos dias atuais – o que sem exagero algum transforma o autor em um verdadeiro guardião das ilhas do Rio Camaquã.

Envolvido desde sua infância neste contexto cultural e histórico, que abraça a região do estuário do rio Camaquã, o pesquisador se vale do método biográfico, através do estudo de obras e documentos, além da tradição oral, com entrevistas de pessoas idosas, que tiveram seus ancestrais vivendo nas diferentes ilhas – a principal delas a Ilha Santo Antônio – local onde Giuseppe Garibaldi comandou o estaleiro farroupilha, e foram construídos os barcos da frota farrapa, entre eles o Rio Pardo e o Seival, símbolos de uma epopeia.

A obra, fartamente ilustrada, publicada pela Impresul Editora, além de oferecer um rico panorama das ilhas, desde a sua origem arachane, passando pela colonização portuguesa e espanhola, traz aspectos pouco conhecidos da Revolução Farroupilha (1835-1845), e segue adentrando pelo século XX.

“Ciente de que muitos dados já foram perdidos sobre nossa colonização, miscigenação e vida social num todo, nasceu a necessidade deste dossiê informativo, reunindo elementos que corroboram entre si fortalecendo nossa memória social”, resume o autor na apresentação da obra.

Mas o grande mote do livro, que reúne em 154 páginas cavalos e barcos – terra e água – é contar a cronologia das ilhas através de seus principais personagens desde as figuras imponentes da história riograndense e expoentes estrangeiros até as pessoas mais simples do cotidiano daquelas paragens, onde pescadores, agricultores, benzedeiras e gente do povo ganham voz através da literatura social de Adriano Kath.

 Na avaliação do escritor cada ilha tem uma história peculiar, e seu objetivo maior, além de mostrar o distrito farroupilha da Pacheca, busca influenciar outros distritos a conhecerem sua história. O pesquisador, com pós graduação e cursos na área de educação e história, também é o idealizador da exposição “Estuário do Rio Camaquã – Registros e Memórias”.

E certamente com este livro de estreia muitas portas serão abertas para que se possa conhecer com mais profundidade a cultura e as belezas naturais deste paraíso, que se chama Ilhas do Rio Camaquã, um lugar onde história e meio ambiente caminham de mãos dadas.

Clic Sabedoria:“Se queres ser universal começa por pintar a tua aldeia.” (Leon Tolstoi)


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • clarão—970×90
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)