Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • cq-01
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • 2024 BANNER TOPO CAPA DE SITE DIA DE CAMPO DESKTOP
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (2)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664

Controle Geral no Clic Camaquã


Por Redação/Clic Camaquã Publicado 10/04/2015
 Tempo de leitura estimado: 00:00

Controle Geral no Clic Camaquã

A partir desta semana teremos nossa coluna semanal no Clic Camaquã, atendendo convite de nosso amigo Eduardo Costa. Esperamos informar bem aos leitores que desde 1992 a veem estampada nas páginas da Gazeta Regional.

Núcleo quer homenagear aos pracinhas!

Segundo o Ex-presidente do Núcleo de Pesquisas Históricas de Camaquã, historiador Dr. João Máximo Lopes, “Camaquã não guardou a memória de seus pracinhas e está sendo injusto com aqueles homens”, refere-se ao fato de que aqui não existe qualquer monumento em suas memórias, nem sequer se guardou o nome daqueles heróis. “Naquele tempo, quem ia para a guerra na Europa, sabia que não iria voltar, mas a força patriótica era tão grande que todo mundo vibrava com os pracinhas, daí a injustiça”, enfatizou João Máximo. “Nós do núcleo, queremos fazer um apelo: quem for familiar de pracinha entre em contato com o NPHC, informe, pois queremos colocar os seus nomes em praça pública, fazer justiça com os homens que lutaram na segunda guerra mundial, para que sejam lembrados eternamente”, finalizou o historiador. Se você está nesta condição, não deixe prestar a informação! 

Fundação presta contas

No último dia 26 de março, os dirigentes da Fundação Assistencial e Beneficente de Camaquã, mantenedora do Hospital Nossa Senhora Aparecida, demonstrando alto senso de transparência com a comunidade a qual servem, realizou apresentação do relatório de atividades da Instituição bem como de seu Balanço Patrimonial já devidamente aprovado pelo Conselho Fiscal. Primeiramente as Entidades Mantenedoras da Fundação foram as que assistiram ao relatório, logo depois, na quinta-feira, na reunião almoço da ACIC, associados e convidados tiveram oportunidade de ouvir os dirigentes José Almiro Alencastro, Diretor Presidente, Antonio Omar Machado, Superintendente e Cleber Dorneles, Diretor de Controladoria, que apresentaram uma minuciosa exposição dos números e das realizações da atual Gestão. Apesar das dificuldades enumeradas, vemos que em comparação com os números do passado há um passivo positivo a comemorar neste último ano, fruto da dedicação e competência de todos.

Realizações e Projetos

Foram celebradas a colocação em funcionamento de moderna subestação de Energia e Grupo Gerador que dará estabilidade e garantia de energia para os próximos anos, a construção de pórtico para acesso de veículos que propicia maior segurança aos que ingressam no hospital. Efetuou-se a locação com opção de compra do antigo hotel Petry, cuja estrutura será melhorada através de reformas e servirá para atender as especialidades médicas da Fundação. Atualmente o hospital está credenciado para atendimento da média complexidade, o alvo porém é chegar a Alta Complexidade. Muitas queixas para a falta de repasses do município a fim de custear o atendimento do Pronto Socorro, que atenta para a clientela que deveria ter atenção nos Postos de Saúde Municipais.

SESC expõe!

Desde o dia 1º de abril, se estendendo até o dia 20, acontece no Sesc Camaquã a exposição de fotos em parceria com a Criarte, “Camaquã 150 anos de História”, uma beleza que você não pode deixar de apreciar. Na abertura foi prestada significativa homenagem pelo NPHC ao fotógrafo Alaor Rodrigues que colaborou com a exposição cedendo fotos de seu vasto acervo. Alaor foi um dos precursores da fotografia em Camaquã. Parabéns aos promotores Catulo e Luana Fernandes.

E no nosso programa deste sábado

No CONTROLE GERAL, pela Rádio Camaquense AM 1060, você poderá ouvir neste sábado a partir das 08:15 hs da manhã:

– Clayton Dworzecki Soares – Diretor da Divisão de Trânsito, falando sobre as modificações que entram em vigar no domingo em Camaquã

– Valter Luiz de Barros – SM da Fazenda, abordando a questão da atualização do IPTU

– José Carlos Berta Dornelles – SM da Agricultura e Abastecimento, mostrando os projetos da sua secretaria, bem como do resultado das colheitas do fumo e arroz

– Jussara da Rocha Jacquês – SM da Educação atualizando o ouvinte sobre as questões da educação em Camaquã

Alem dos destaques costumeiros do programa, não perca!  

Prá você pensar:

“É verdadeiramente velho o homem que pára de aprender, quer tenha vinte ou oitenta anos”. (Henry Ford)


  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (2)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • 2024 BANNER TOPO CAPA DE SITE DIA DE CAMPO DESKTOP
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • cq-01