Polícia

EXCLUSIVO: Casa noturna de Camaquã é interditada

Casa de festas foi interditada após denúncia de populares à Prefeitura de Camaquã; estabelecimento vai recorrer da punição
Por: Elias Bielaski | Publicado: 04/06/2021 às 15:49 | Alterado: 11/06/2021 às 15:55
Imagem Ilustrativa. Foto: Divulgação
Imagem Ilustrativa. Foto: Divulgação

A Prefeitura Municipal de Camaquã interditou um estabelecimento por descumprimento dos protocolos sanitários da Covid-19 durante a esta semana. A informação foi obtida com exclusividade pela reportagem do Clic Camaquã.

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

Trata-se de uma casa noturna localizada no Centro de Camaquã. Em virtude da Lei de Abuso de Autoridade (nº 13.869), o nome e endereço do estabelecimento foram preservados.

A reportagem do Clic Camaquã entrou em contato com o sócio proprietário do estabelecimento, que informou que a interdição ocorreu por "descumprimento do protocolo onde os clientes devem permanecer sentados dentro do bar".

O empresário informou que irá protocolar uma defesa junto à Prefeitura de Camaquã, explicando o ocorrido e especificando quais medidas são tomadas para que o fato não ocorra novamente. O empresário também relatou não ter sido autuado ou notificado previamente, tendo sido autuado posteriormente após a divulgação de vídeo nas redes sociais.

Receba as notícias do Clic no WhatsApp.

Questionado sobre a possibilidade de reabertura após a punição, o empresário respondeu:

"Espero que sim! Fiquei 14 meses fechado devido a pandemia, cumprindo com todos meus compromissos como aluguel, luz, água, impostos. Tive que me reinventar e fazer investimentos pra poder abrir como bar. Em nenhum momento me isentei da responsabilidade do ocorrido, inclusive fiquei à disposição pra corrigir e receber a fiscalização posteriormente"

A reportagem também entrou em contato com a Procuradoria do Município, que confirmou a interdição do local.

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

O procurador Fabiano Ribeiro já havia levantado a possibilidade desta interdição durante o programa Bom Dia Camaquã da última terça-feira, 1º de junho, quando concedeu entrevista exclusiva para falar sobre o assunto.

Assista a entrevista completa:

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Segundo o procurador, a denúncia chegou em formato de vídeo enviado por populares, que mostravam irregularidades no estabelecimento. 

Durante a entrevista, o procurador informou que o final de semana terá intensificação da fiscalização de festas clandestinas e possíveis aglomerações para evitar o avanço do contágio da Covid-19 em Camaquã.

Segundo ele, é importante combater as festas clandestinas e aglomerações desnecessárias para que o comércio não seja punido.

Baixe o aplicativo da ClicRádio no seu celular. 

deixe seu comentário