Polícia

Câmeras de videomonitoramento auxiliam combate à criminalidade em Camaquã

Câmeras instaladas em pontos estratégicos auxiliar trabalho das forças policiais e da Divisão de Trânsito
Por: Elias Bielaski | Publicado: 30/07/2021 às 15:40 | Alterado: 06/08/2021 às 15:15
Foto: Igor Garcia / Clic Camaquã
Foto: Igor Garcia / Clic Camaquã

Diariamente, um trabalho silencioso realizado desde 2016 tem sido de suma importância para o combate à criminalidade em Camaquã. Com 15 câmeras de videomonitoramento que funcionam 24 horas por dia, a Central de Videomonitoramento auxiliar trabalho das forças policiais e da Divisão de Trânsito.

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

A reportagem do Clic Camaquã visitou a central nesta semana e acompanhou um pouco do trabalho realizado em parceria entre a Prefeitura de Camaquã e a Brigada Militar.

A sala cedida pela Prefeitura fica no Centro Administrativo e possui 15 câmeras em alta definição (HD), que ajudam a identificar ocorrências de roubo, furtos, danos ao patrimônio público, além de infrações, acidentes e atos de imprudência no trânsito.

A Sala de Videomonitoramento foi inaugurada no final de 2016 pelo então prefeito João Carlos Machado, através de recursos próprios da Prefeitura e com aditivo de emenda parlamentar, totalizando R$ 1.177.221,00.

Conforme relato à reportagem, dentre os flagrantes mais comuns estão os acidentes de trânsito e o descarte irregular de lixo em diversos pontos da cidade.

Quer ganhar uma pizza Frazione? Clique aqui!

Por determinação do Ministério da Justiça, o quantitativo de operadores para atuação em turnos de 6 horas ou de 12 horas é de um policial para no máximo 8 câmeras de vigilância. 

O objetivo de implantar a tecnologia de monitoramento por câmeras tendo como foco pontos estratégicos no perímetro urbano da cidade, como forma complementar a atuação preventiva e repressiva das instituições de segurança pública, proporcionando a comunidade mais segurança e qualidade de vida.

A elaboração do projeto base foi realizado pela Prefeitura, sendo os pontos estratégicos para a implantação das câmeras definido pela Brigada Militar.

A Brigada Militar também ficou responsável pela operação do sistema.  

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Na visita realizada pela reportagem do Clic Camaquã, o repórter Igor Garcia conheceu um pouco da operação do sistema, realizada por quatro militares cedidos pela Brigada Militar.


Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

deixe seu comentário