Obras e Infraestrutura

Prefeitura e Corsan debatem faltas constantes de água em Camaquã

Prefeito manifestou preocupação com os últimos episódios de falta de abastecimento de água por um longo período, ocasionando transtornos para a população
Por: Elias Bielaski | Publicado: 01/07/2021 às 17:49 | Alterado: 08/07/2021 às 17:27 | Fonte: Com informações de ASCOM - Prefeitura de Camaquã
Foto: ASCOM / Prefeitura de Camaquã
Foto: ASCOM / Prefeitura de Camaquã

Na tarde desta quinta-feira, 1º de julho, a Prefeitura Municipal de Camaquã recebeu uma reunião para tratar de um tema que foi motivo de polêmicas nas últimas semanas: a falta de água em Camaquã. A reunião ocorreu no gabinete do prefeito Ivo de Lima Ferreira, reunindo representantes do Poder Executivo e da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan).

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

Além do prefeito, participaram o vice Abner Dillmann; o Procurador Geral do Município Fabiano Ribeiro; o Secretário do Meio Ambiente, Marcelo Pires; a assessora técnica da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Cleonice Costa Bergmann.

Representaram a Corsan: Mário Augusto Silva, Superintendente da Regional Sul; Cláudia Viana, Gerente Regional; Silvana Macedo de Dutra, Superintendente Adjunta da Regional Sul; Rodrigo Pontes, Gestor do Departamento de operação e manutenção e Luis Fernando Longaray, Gestor de Operações em Camaquã.

Abrindo a reunião o prefeito Ivo, manifestou sua preocupação com os últimos episódios de falta de abastecimento de água por um longo período, ocasionando transtornos para a população.

Quer ganhar uma pizza Frazione? Clique aqui!

Segundo o Superintendente da Regional Sul da Corsan, Mário Augusto Silva, haverá a disponibilidade de um gerador que se encontra em manutenção, o qual ficará no município para evitar que novamente ocorra o problema de desabastecimento.

A Prefeitura destacou que este equipamento já se encontrava na cidade e por problemas operacionais, está em manutenção.

Outro tema debatido na reunião foi o atraso no cumprimento do Cronograma do Plano de Saneamento Básico e as consequências que isto gera, exigindo dos empreendedores sistemas mais modernos de destinação de esgoto.

Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

Dentro desta demanda, foi informado ao Executivo Municipal que, recentemente, foi realizado levantamento de valores necessários para o cumprimento dos contratos, gerando um grande plano de investimentos que atendam estas demandas.

No decorrer da reunião o prefeito municipal manifestou a preocupação em relação a qualidade e demora nas manutenções que são realizadas após as obras, solicitando a possibilidade do próprio município realizar estas manutenções com contrapartida da Corsan.

Segundo a assessoria da Prefeitura, houve o comprometimento dos representantes encaminhar aos seus superiores esta possibilidade. As partes também firmaram o compromisso de apresentar no prazo de 15 dias um cronograma de obras de substituições de redes de água em Camaquã.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

deixe seu comentário