Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 2024 BANNER TOPO CAPA DE SITE DIA DE CAMPO DESKTOP
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (2)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • cq-01

Beijou muito no carnaval? Fique atento, conheça doenças transmitidas pela saliva

As doenças bucais que podem ser transmitidas pela saliva incluem herpes labial, mononucleose infecciosa, sífilis


Por Eduardo Costa Publicado 21/02/2023
 Tempo de leitura estimado: 00:00

Com a chegada do Carnaval, muitas pessoas se preparam para dias de folia, com muita música, dança, bebida e, é claro, beijos. Porém, é importante lembrar que algumas doenças bucais podem ser transmitidas pela saliva, e a agitação do Carnaval pode aumentar o risco de contágio.

As doenças bucais que podem ser transmitidas pela saliva incluem herpes labial, mononucleose infecciosa, sífilis. Essas doenças podem ser transmitidas através do compartilhamento de objetos contaminados, como copos, talheres e escovas de dente, ou através do contato direto com a saliva, como beijos e mordidas.

• Herpes labial: é uma infecção viral causada pelo vírus herpes simplex tipo 1 (HSV-1), que pode provocar bolhas e feridas nos lábios, na boca e na gengiva. A transmissão pode ocorrer através do contato direto com a saliva de uma pessoa infectada. É uma doença muito comum que afeta cerca de 90% da população mundial. Embora geralmente seja uma condição benigna, pode ser dolorosa e constrangedora para quem a tem.

• Mononucleose infecciosa: é uma doença viral causada pelo vírus Epstein-Barr, que pode provocar febre, dor de garganta, fadiga e outros sintomas. A transmissão pode ocorrer através do contato direto com a saliva de uma pessoa infectada.

• Sífilis: é uma doença sexualmente transmissível causada pela bactéria Treponema pallidum, que pode afetar os lábios, a boca e a garganta. A transmissão pode ocorrer através do contato sexual ou através do contato direto com a saliva de uma pessoa infectada. Especialmente se houver feridas ou lesões nos lábios, na boca ou na garganta.

É importante lembrar que a transmissão dessas doenças bucais pela saliva pode ser evitada através de medidas simples, como evitar o compartilhamento de objetos pessoais, lavar as mãos com frequência e praticar o sexo seguro. Além disso, é fundamental manter uma boa higiene bucal e visitar regularmente um dentista para prevenir e tratar as doenças bucais.”Durante o Carnaval, pode ser fácil esquecer a rotina de cuidados com a saúde bucal, mas isso pode aumentar o risco de doenças bucais e agravar problemas existentes. Além disso, alguns sintomas de doenças bucais podem surgir rapidamente, e é importante estar atento a eles para procurar ajuda médica o mais rápido possível.” comenta a cirurgiã-dentista e especialista em saúde bucal Dra. Bruna Conde.

Sinais como dor de dente, gengivas inchadas ou vermelhas, feridas na boca, mau hálito persistente ou dor ao mastigar podem indicar a presença de uma doença bucal, e devem ser avaliados por um dentista. O diagnóstico precoce é fundamental para o tratamento eficaz e para evitar complicações.

“Por isso, se você está se preparando para aproveitar o Carnaval, não se esqueça de incluir na sua lista de cuidados a visita ao dentista. Além de garantir um sorriso bonito e saudável, você estará protegendo a sua saúde e a de outras pessoas ao seu redor. E lembre-se: prevenir é sempre melhor do que remediar.” Finaliza Bruna Conde.


  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • cq-01
  • 2024 BANNER TOPO CAPA DE SITE DIA DE CAMPO DESKTOP
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (2)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)