Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • WhatsApp Image 2024-04-02 at 17.18.51
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • cq-01
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19

“A quem interessa o trabalhador sem dinheiro e sem benefícios?”, questiona carteiro

Funcionário falou sobre defasagem de funcionários, perda de benefícios, privatização e fala do prefeito Ivo de Lima Ferreira sobre os Correios


Por Redação/Clic Camaquã Publicado 18/03/2021
 Tempo de leitura estimado: 00:00

O programa Bom Dia Camaquã desta quinta-feira, 18 de março, recebeu Alexandre dos Santos Nunes, funcionários da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios) e representante do sindicato da categoria, que havia solicitado um espaço para responder a uma declaração do prefeito Ivo de Lima Ferreira no começo da semana. Em entrevista exclusiva concedida na manhã desta terça-feira (16), o prefeito foi questionado sobre a entrega dos carnês do Imposto Patrimonial e Territorial Urbano (IPTU) e disse o seguinte:

Baixe o aplicativo da ClicRádio e acompanhe os programas ao vivo.

“Na verdade, os carnês do IPTU estão lá desde o dia 1º (de março) nos Correios. Não sei se foi algo proposital ou não foi. Mas uma coisa é estranha: não tem nenhum órgão que menos trabalhe que os Correios, eles estão sempre em greve. No dia que é preciso ajudar, eles entram com uma liminar pedindo pra trabalhar. Mas o que vem do Governo Federal, tudo pode se esperar”

Com relação à fala do prefeito de Camaquã, os Correios pediram um espaço para se manifestar. Alexandre se opôs a fala do prefeito e questionou: “A quem interessa o trabalhador sem dinheiro e sem benefícios?”. Segundo ele, os empregados dos Correios em Camaquã deixam seu dinheiro no comércio local e tem suas famílias, sustentadas por eles, que fazem o mesmo.

Alexandre destacou que os Correios tem uma série de contratos para a entrega de cada tipo de correspondências. Quanto à entrega dos carnês de IPTU, em específico, ele destacou que os mesmos já estavam sendo entregues na semana anterior e as entregas que ocorreram durante o lockdown tiveram mais destaque porque os moradores estavam, em sua maioria, em casa.

Clique aqui e receba as notícias da região no seu celular.

Ele também afirmou que o setor jurídico do sindicato trabalha para identificar uma possibilidade de reverter a decisão judicial que obriga os carteiros a trabalharem durante o período de lockdown. Segundo ele, a direção da Empresa trata como se os carteiros não tivessem a possibilidade de se contaminar com a Covid-19: “Tá errado. Nós devíamos estar prestando apenas o serviço essencial e não trabalhando durante o lockdown”. Segundo Alexandre, cinco funcionários dos Correios no Rio Grande do Sul perderam a vida apenas em março de 2021.

Ele também falou sobre a defasagem de funcionários, a perda de benefícios e a privatização dos Correios, prevista pelo Governo Federal e que pode acarretar a demissão de 90 mil funcionários:

“No meio da pandemia, a direção dos Correios, que tem o intuito de privatizar a empresa, veio para tirar 50 cláusulas do nosso acordo coletivo, sendo que a empresa bateu um dos maiores lucros da sua história por conta da pandemia, por conta do aumento do e-commerce e de objetos postados nos Correios”

Clique aqui e acompanhe a programação da ClicRádio no seu celular.

Clique aqui e assista a entrevista completa:

 

Sobre a entrega dos carnês, os Correios emitiram uma nota, enviada à reportagem do Clic:

“Nota dos CORREIOS Esclarecimento sobre entrega dos carnês do IPTU em Camaquã

Em relação às informações divulgadas na terça-feira (16), durante entrevista no programa Bom Dia Camaquã, os Correios fazem os seguintes esclarecimentos:

― A entrega dos carnês de IPTU está ocorrendo há mais de uma semana na cidade. As correspondências foram postadas nos Correios no dia 2 de março e, após passarem por todo o processo de triagem, começaram a ser entregues aos moradores na segunda-feira seguinte, dia 8. Os carnês ainda seguem sendo distribuídos, de acordo com prazo estabelecido na contratação do serviço. Informamos ainda que, mesmo com a decretação do lockdown, que ocorreu depois do recebimento da carga postal, a empresa seguiu com o cronograma de entregas, que não sofreu qualquer alteração específica.

― Os Correios seguem trabalhando para garantir o atendimento à população, prestando seus serviços essenciais, conforme determina o Decreto nº 10.282/2020 da Presidência da República. É a atividade da empresa que viabiliza desde negócios de empreendedores do e-commerce, por exemplo, até a entrega de remédios para pacientes em isolamento. Vale lembrar ainda que a empresa está adotando medidas para manter as operações seguindo os protocolos recomendados, como uso de máscaras pelos empregados, higienização de ambientes e determinação de trabalho remoto para pessoas do grupo de risco.”


  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • WhatsApp Image 2024-04-02 at 17.18.51
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • cq-01
  • TEXEIRA GÁS ultragaz