Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • banner felice 2
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)

Dr. João Paulo Campos falou sobre as duas lesões mais frequentes no futebol

O médico ortopedista e traumatologista falou sobre a lesão muscular na posterior da coxa e sobre a lesão do ligamento cruzado anterior do joelho, durante entrevista no programa Manhã Show da ClicRádio; confira


Por Celiomar Garcia Publicado 01/09/2021
 Tempo de leitura estimado: 00:00

Na manhã da quarta-feira (01), o programa Manhã Show da ClicRádio recebeu o médico ortopedista e traumatologista, João Paulo Campos. Ele abordou sobre as duas lesões mais frequentes no futebol. A lesão muscular na posterior da coxa está em primeiro lugar, sendo a que ocorre em grande escala. 

O Dr. João Paulo explicou que a lesão não ocorre na hora em que o atleta realiza o esforço, mas sim em razão deste esforço. “O músculo posterior da coxa trabalha para desacelerar o esforço realizado pelo atleta, gerando a ruptura em alguns casos, por isso, é comum ouvirmos a pergunta que todos fazem quando presenciam este tipo de lesão, o porquê dos três pulinhos”, disse o ortopedista.

A segunda lesão mais frequente no futebol é a do ligamento cruzado anterior do joelho, conforme relatou o especialista. “Quando a lesão é por exemplo, num jovem atleta, o mesmo terá de fazer a intervenção cirúrgica, principalmente se a sua intenção é seguir competindo. Quando a lesão ocorre numa pessoa de idade, em alguns casos, não se recomenda fazer cirurgia, mas pode várias de um caso para outro”.  Acompanhe a participação no programa desta quarta-feira.


  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • banner felice 2
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494