Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • globalway (1)
  • banner felice 2
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)

Jovem de 18 anos é a 31ª pessoa a perder a vida nas águas da Barragem do Arroio Duro

Em 30 anos de registros, chegou a 31 o número de mortes nas águas da Barragem do Arroio Duro, onde o banho é proibido em todos os pontos


Por Redação/Clic Camaquã Publicado 07/11/2022
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Jovem de 18 anos é a 31ª pessoa a perder a vida nas águas da Barragem do Arroio Duro
Foto: Divulgação

Um dos principais pontos de visitação do município, a Barragem do Arroio Duro é sempre motivo de alerta com a chegada do verão e o aumento da procura de um espaço para a prática de esportes náuticos. Desde 1992, a Associação dos Usuários do Perímetro de Irrigação do Arroio Duro (AUD) administra o espaço e contabiliza o número de vidas que foram levadas pelas traiçoeiras águas da Barragem.

Logo na entrada, uma placa chama a atenção: “Estas águas já levaram 30 vidas”. Agora, o número precisará ser atualizado.

Neste domingo, 6 de novembro, um jovem de apenas 18 anos foi a 31ª vítima fatal. Ruan Duarte Pereira sofreu um acidente com o jet ski que pilotava e caiu nas águas da Barragem, que segundo testemunhas, estava escura e com forte correnteza.

Com forte vento, Ruan tentou mas não conseguiu chegar à margem. O desespero tomou conta de dezenas de pessoas que assistiam o triste acontecimento. Um amigo tentou resgatar Ruan, sem sucesso. Após quase 20 minutos lutando pela sua vida, o jovem submergiu e não foi mais visto.

O corpo foi encontrado na manhã desta segunda-feira, 7 de novembro, após mais de 15 horas de buscas realizadas pelo Corpo de Bombeiros.

A Barragem do Arroio Duro

Construída em 1967 para irrigar lavouras de arroz e outras culturas, a Barragem impressiona pela grandiosidade . Distante a 7km da zona urbana e administrada pela AUD, a barragem tem capacidade para 170 milhões de metros cúbicos de água acumulada e é cercada por mata nativa e floresta de pinos.

O local oferece ampla área verde com churrasqueiras, praça infantil e um visual de tirar o fôlego. O local é indicado para a prática de esportes junto à natureza, como Stand-up, Jetski, Canoagem, Motocross e Pesca, sendo proibido o uso de redes e tarrafas.

Banho proibido

Mesmo que os esportes náuticos sejam liberados, é expressamente proibido o uso das águas da Barragem para banho. Por todos os cantos do parque, placas reforçam esta proibição. E isso não acontece apenas em Camaquã. Por todo o Estado, cresce o número de afogamentos com a chegada do Verão, mesmo com a orientação de diversos órgãos proibindo a prática.

As barragens e represas são locais que representam um perigo muito grande porque possuem fundos irregulares, têm sujeiras, arames farpados, paus e outros objetos que podem enroscar nas pessoas e fazer com se afoguem.

Segundo o Corpo de Bombeiros, todos os anos, nesta época de calor intenso, são registradas muitas ocorrências de afogamentos. Isso porque muitos banhistas são imprudentes porque não acreditam que estão sujeitos ao perigo.

A reportagem do Clic Camaquã entrou em contato com a AUD, que reafirmou a proibição de banho nas águas da Barragem e ressaltou, principalmente, os cuidados necessários para prática de esportes náuticos no local. O principal deles: o uso do colete salva-vidas, que é de extrema importância em todas as situações.

Para controlar a entrada e saída, a AUD contrata segurança particular durante a época de veraneio. Neste ano, a contratação deve acontecer 15 dias mais cedo do que o previsto, iniciando ainda no mês de novembro.

Para quem planeja dirigir um jet ski, uma lancha, ou até mesmo um pequeno barco com motor de popa, é preciso ter a famosa carta, que, no caso de embarcações náuticas, chama-se Arrais. Clique aqui e saiba mais. A fiscalização é responsabilidade da Marinha do Brasil.

Dicas de segurança

1.Cuidado com as pedras escorregadias, principalmente as pretas, pois, quando molhadas, quase não é possível notar o deslizamento; 2. Evite usar tênis. Opte por andar descalço, para sentir melhor o apoio dos pés nas rochas. Botas especiais são uma boa alternativa; 3. Ande como os “macacos”, com as mãos e os pés apoiados no chão. Isto evitará tombos maiores; 4. Para atravessar rios com corredeiras, use uma corda como apoio; 5. Nunca mergulhe sem antes verificar a profundidade do poço; 6. Se for pular de alguma pedra em poços naturais, procure falar com quem já pulou, de preferência um morador local. Não mergulhe em águas desconhecidas; 7. Evite entrar na água, para nadar, depois de lanches e refeições; 8. Tenha sempre na mochila toalha e roupa de banho extra. Depois de um banho gelado é preciso se enxugar e colocar roupa seca. Caminhar com roupa molhada provoca assaduras; 9. Se for acampar, visite antes o local e verifique as condições da área de camping; 10. Cuidado com o nível dos rios. O aumento do volume de água em uma velocidade muito rápida é comum devido às fortes chuvas; 11. Não ingira bebida alcoólica antes de entrar na água; 12. Não deixe crianças sozinhas ao redor de lagos, represas, rios e cachoeiras; 13. Não entre em locais onde há avisos de perigo de morte ou em águas poluídas; 14. Aproveite a sombra das árvores para descansar; 15. Em caso de problemas, ligue imediatamente para o Corpo de Bombeiros: 193.


  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • globalway (1)
  • banner felice 2
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111