Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • banner felice 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)

Moraes nega pedido para investigar inserções e diz que Bolsonaro pode ter agido para ‘tumultuar’ eleições

Campanha alegou que rádios estavam deixando de passar inserções da propaganda do candidato. Presidente do TSE afirmou que dados apresentados são inconsistentes: 'Sem documentação crível'.


Por Redação/Clic Camaquã Publicado 26/10/2022
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Alexandre de Moraes garantiu segurança da urna eletrônica
Foto: Divulgação

No final da tarde desta quarta-feira, 26 de outubro, Alexandre Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou o pedido da campanha de Jair Bolsonaro (PL) relativo à inserções de rádios das regiões Norte e Nordeste e anunciou reviravolta no caso. O presidente do TSE afirmou que denúncia das inserções é “desprovida de lastro probatório mínimo” e encaminha caso para corregedoria eleitoral apurar uso de fundo partidário.

Conforme a decisão, o software usado para a produção do relatório apresentado pela campanha de Bolsonaro ao TSE considerou que tinham deixado de ser exibidas uma série de inserções do presidente que, na realidade, foram veiculadas normalmente.

Os arquivos em áudio dessas propagandas com o registro da exibição nas rádios podem ser checados nos próprios arquivos disponibilizados pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria, ao TSE e ao público.

Segundo um relatório e já encaminhado ao gabinete do presidente do TSE, Alexandre de Moraes, só em uma rádio, a Bispa de Recife, foram encontradas nove inserções de Bolsonaro que a Audiency, firma contratada pela campanha, não contabilizou.

Algumas das rádios contatadas disseram que não receberam da campanha de Bolsonaro propagandas eleitorais. A campanha de Bolsonaro alegou ao TSE que oito emissoras deixaram de veicular inserções obrigatórias para favorecer o candidato do PT. Quatro delas afirmaram ao Jornal O Globo que não tiveram acesso às peças.

Após o anúncio, Bolsonaro convocou reunião ministerial de emergência no Palácio do Alvorada e realizará coletiva de imprensa em instantes.


  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • banner felice 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335