Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • WhatsApp Image 2024-04-02 at 17.18.51
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • cq-01
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • globalway (1)
  • UNIFIQUE CMQ – Banner 970x90px

Moradores do interior de Cristal e Amaral Ferrador seguem sem energia elétrica 7 dias após temporal

Um protesto foi realizado em estrada do interior de Cristal, com cerca de 25 veículos bloqueando a via


Por Kathrein Silva Publicado 27/03/2024
 Tempo de leitura estimado: 00:00
v (42)
Foto: Internauta/ Clic Camaquã

Com a falta de luz que já dura quase sete dias, após temporal que atingiu a região na última semana, moradores de Cristal realizaram um protesto na tarde desta quarta-feira (27), em uma estrada do interior.

No local, segundo um internauta do Clic Camaquã, cerca de 25 veículos estavam bloqueando a passagem na via. A Brigada Militar prestou apoio aos manifestantes. Durante a manifestação, equipes da CEEE Equatorial realizavam reparos na rede elétrica.

Segundo informações apurada com a BM, a via já está liberada.

Amaral Ferrador

Em outra frente, o agricultor Dirlei Zacker, do interior de Amaral Ferrador, esteve no escritório da Equatorial em Camaquã reivindicando o restabelecimento da energia elétrica. Segundo ele, a falta de luz tem afetado o abastecimento de água no interior, que necessita de motores para o funcionamento de poços.

Dirlei ficou conhecido após protesto em novembro de 2023, quando espalhou folhas estragadas de tabaco pelo escritório da Equatorial em Camaquã. Na ocasião, segundo ele, prejuízo foi de quase R$ 40 mil. A Equatorial teria oferecido pouco mais de R$ 2 mil como ressarcimento.

Desta vez, o agricultor foi recebido pelo gerente Aurélio Knepper, mas afirma não estar esperançoso.


  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • WhatsApp Image 2024-04-02 at 17.18.51
  • UNIFIQUE CMQ – Banner 970x90px
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • cq-01
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)