Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)

Wendell cola em experientes do Grêmio para ‘se proteger’ e finalizar


Por Redação Clic Camaquã Publicado 15/01/2014
Ouvir: 00:00

Na expectativa do término da negociação do Grêmio com o Galatasaray por Alex Telles, o lateral-esquerdo Wendell utiliza a pré-temporada para se aperfeiçoar em Bento Gonçalves. Titular se o camisa 13 deixar o clube gaúcho, o jogador diz que ouve dicas dos mais experientes, como Barcos e Edinho, e coloca a finalização como principal ponto ofensivo a ser melhorado.

Wendell tem metas ousadas. Por exemplo, em contato exclusivo com o LANCE!Net, afirmou que planeja estar na Copa do Mundo de 2018. O jogador recebe ensinamentos dos atletas mais rodados. Por exemplo, ouviu do Pirata que precisa “se proteger” mais nas disputas aéreas com os atacantes.

– Temos que estar sempre conversando e colhendo informação. Estão sempre dando toque na gente. O que chama é a preocupação em ajudar, querem sempre ajudar os jovens, dando conselhos. Me acho um filho dos caras, o Barcos me falou ontem para fazer isso (levantar os braços), que o atacante sempre vai fazer. É acreditar no trabalho dos caras – comentou Wendell.

Outra dica foi do volante Edinho. O jogador de 30 anos falou que Wendell deveria tentar mais a finalização quando estivesse em condições. Isto após um lance em que o lateral tentou o passe quando poderia arrematar.

– Estou aperfeiçoando isso. Falam que tenho uma boa chegada, mas não conseguia finalizar tão bem. Estou conseguindo fazer gols nos treinamentos, mas tenho que melhorar nos chutes. O professor está sempre opedindo, está me dando os toques de finalizações, como tem que chegar para finalizar. Vai ser um ano proveitoso para mim. Edinho falou ontem, que quando dei o passe, era para ter finalizado. Ele falou que se tivesse uma chance dessa, ia ser uma no jogo e eu preferi rolar para o lado – destacou o camisa 18 gremista.


  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664