Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • banner felice 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)

Seleção feminina encerra Mundial de Ginástica na 4ª posição

Em Liverpool, o Brasil pôde contar com Flávia Saraiva em apenas um aparelho, as paralelas assimétricas


Por Celiomar Garcia Publicado 01/11/2022
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Foto: Molly Darlington/Divulgação

A seleção feminina encerrou a disputa por equipes do Mundial de Liverpool, na Inglaterra, em uma inédita quarta posição, atrás apenas de Estados Unidos, Grã-Bretanha e Canadá, que asseguraram vaga olímpica antecipadamente.

A campanha da equipe brasileira, formada por Rebeca Andrade, Flávia Saraiva, Lorrane Oliveira, Júlia Soares, Carolyne Pedro e Christal Bezerrra, superou a participação no Mundial de 2007, em Stuttgart, na Argentina. Naquela oportunidade, a equipe formada por Jade Barbosa, Daiane dos Santos, Laís Souza, Ana Cláudia Silva e Khiuani Dias obteve a quinta colocação.

Em Liverpool, o Brasil pôde contar com Flávia Saraiva em apenas um aparelho, as paralelas assimétricas. A atleta estava com dores no tornozelo direito. A campeã olímpica Rebeca Andrade destacou o sacrifício de Flávia Saraiva na competição:

“Ela mostrou que não está lá por ela, está lá por todas nós. É muito importante no nosso esporte não deixar a peteca cair, não desconcentrar. Cada competição traz um ensinamento, e esta serviu como um grande aprendizado”, disse.

Já a técnica Iryna Ilyashenko afirmou que prevê saltos ainda mais altos para a equipe brasileira:

“Pela primeira vez nos aproximamos da medalha numa competição por equipes. Nas próximas competições vamos conseguir”, destacou.

Na quarta-feira (2), a seleção masculina disputa a final por equipes, a partir das 14h25 (horário de Brasília).


  • banner felice 2
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-06T170807.664
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Banner-Camaqua_CC 970×90 (5)
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • TEXEIRA GÁS ultragaz
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • _26345 banner topo 970×90 px (PNG)
  • WhatsApp Image 2024-03-01 at 09.20.19
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335