Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • 970×90 (3)
  • clarão—970×90
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)

Atriz Léa Garcia morre aos 90 anos em Gramado

Artista receberia homenagem com Troféu Oscarito no Festival de Cinema de Gramado nesta terça (15)


Por Redação Clic Camaquã Publicado 15/08/2023
Ouvir: 00:00
Foto: Reprodução/Facebook

A atriz Léa Garcia faleceu nesta terça-feira (15), aos 90 anos de idade. Sua partida ocorreu em meio ao Festival de Cinema de Gramado (RS), onde ela receberia uma homenagem especial, o Troféu Oscarito, pela sua notável contribuição nas artes. A confirmação do falecimento veio por meio de uma publicação nas redes sociais feita por seus familiares.

A carreira da carioca Léa Lucas Garcia de Aguiar teve início aos 19 anos, quando fez sua estreia nos palcos na peça “Rapsódia Negra”, de autoria de Abdias do Nascimento.

A atriz possui uma história antiga com Gramado, conquistando quatro Kikitos com Filhas do Vento, Hoje tem Ragu e Acalanto. Com 90 anos completos, a veterana possui no currículo mais de 100 produções, incluindo cinema, teatro e televisão. Com uma célebre trajetória nas artes, foi indicada ao prêmio de melhor interpretação feminina no Festival de Cannes em 1957 por sua atuação no filme Orfeu Negro que, em 1960, ganharia o Oscar de melhor filme estrangeiro, representando a França.

O Festival de Gramado, que teve início em 15 de agosto, estava programado para homenagear Léa Garcia com o Troféu Oscarito, uma honra prestigiosa que reconhece artistas de destaque. Essa premiação, concedida desde 1990, é um tributo ao ator e humorista Oscarito. 

Conforme o SBT News, além de Léa Garcia, a também atriz Laura Cardoso, de 95 anos, seria agraciada com esse troféu, marcando a primeira vez em que duas atrizes são premiadas simultaneamente com essa distinção.

Antes da cerimônia de premiação, ambas as artistas, Léa Garcia e Laura Cardoso, estavam agendadas para participar de uma coletiva de imprensa.

A organização do Festival de Gramado emitiu uma nota à imprensa lamentando o falecimento da atriz e informando como foram os últimos momentos da artista.

Damas das novelas

Léa consolidou uma carreira de papéis marcantes em produções como “Selva de Pedra”, “Escrava Isaura”, “Xica da Silva” e “O Clone”. Ela foi peça fundamental na quebra da barreira dos personagens até então destinados a atrizes negras.


  • 970×90 (3)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • globalway (1)
  • BANNER UNICRED 2
  • clarão—970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90