Polícia

Vítimas fatais de tiroteio em Tapes são identificadas

Dois homens foram mortos a tiros e duas pessoas ficaram gravemente feridas após troca de tiros na avenida Camaquã; envolvidos já foram identificados
Por: Elias Bielaski | Publicado: 16/11/2021 às 10:56 | Alterado: 23/11/2021 às 11:49 | Fonte: ClicR
Imagem ilustrativa. Foto: Polícia Civil / Divulgação
Imagem ilustrativa. Foto: Polícia Civil / Divulgação

Na noite desta segunda-feira, 15 de novembro, quatro pessoas foram baleadas em Tapes. Duas destas pessoas acabaram morrendo. O caso ocorreu por volta das 21h na avenida Camaquã.

Receba as notícias do Clic pelo WhatsApp <

Segundo o portal ClicR, os dois homens que perderam a vida foram identificados como Carlos Eduardo dos Santos, popularmente conhecido como “Lágrima”, de19 anos, e André Roberto Duarte, conhecido como “Negão”, de 25 anos.

De acordo com a publicação, ambos possuíam extensa ficha criminal, incluindo acusações por tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma de fogo.

A dupla que ficou ferida foi identificada como Bruno Braz Cardoso, de 24 anos, e Francini Ferreira Pinto, de 32 anos.

Ambos seguem hospitalizados, um em Camaquã e outro na capital.

Vem aí mais um Mega Feirão do Clic <

Eles também têm passagens pela polícia. A mulher, inclusive, está usando tornozeleira eletrônica.

As investigações seguem a cargo da Delegacia de Polícia Civil de Tapes e de acordo com o delegado Luciano Rodrigues Meira, os indícios apontam para disputa de pontos de tráfico de drogas.

A Polícia Civil e o Instituto Geral de Perícias já fizeram o levantamento do local dos crimes.

Na Avenida Camaquã, local do ocorrido, foram recolhidas cerca de 30 cápsulas deflagradas de pistola.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube <

A Polícia segue investigando o caso e realizando buscas pelos autores dos disparos. Informações podem ser repassadas para o número 197.

deixe seu comentário