Tecnologia

LG anuncia fim da produção de celulares da marca em todo o Mundo

Nesta semana, a marca se pronunciou oficialmente e confirmou que deixará o mercado de celulares em definitivo
Por: Elias Bielaski | Publicado: 05/04/2021 às 00:00 | Alterado: 22/04/2021 às 11:06 | Fonte: Com informações de TecMundo
Imagem Ilustrativa. Foto: Divulgação
Imagem Ilustrativa. Foto: Divulgação

Nas últimas semanas, a internet foi tomada por rumores que indicavam o fim da produção de celulares da LG Corporation, antigamente Lucky-GoldStar, conglomerado sul-coreano que atua no setor de eletrônicos, celulares e produtos petroquímicos, energia, maquinaria, metais, finanças e serviços.

Inscreva-se no YouTube do Clic e receba as notificações de novos vídeos.

Nesta semana, a marca se pronunciou oficialmente e confirmou que, de fato, deixará o mercado de celulares. Segundo a empresa, a previsão inicial é de que o setor de smartphones seja desativado em julho de 2021 de forma definitiva. 

Com a notícia, proprietários de aparelhos ficaram "com a pulga atrás da orelha" em relação ao suporte. No entanto, a empresa sul-coreana prometeu que continuará oferecendo suporte contínuo aos usuários que possuem modelos da marca. 

No comunicado, a marca destaca que a decisão de deixar o setor vai permitir que ela foque em outros segmentos, como componentes para veículos elétricos, dispositivos conectados IoT, casas inteligentes, robótica e inteligência artificial, além de plataformas e serviços para empresas (B2B).

Leia o comunicado oficial:

"Desde o segundo semestre de 2015, o nosso negócio global de celulares tem sofrido uma perda operacional por 23 trimestres consecutivos, resultando em um acumulado de aproximadamente US$ 4,1 bilhões até o final de 2020. Depois de avaliar todas as possibilidades para o futuro do nosso negócio de celulares, o Headquarter Global decidiu por fechar esta divisão a fim de fortalecer sua competitividade futura por meio de seleção e foco estratégico. Como uma companhia que valoriza profundamente a contribuição de cada funcionário, cliente e parceiro LG, nós comunicaremos de forma aberta e transparente durante este processo, buscando uma abordagem justa e pragmática, enquanto atendemos as obrigações jurídicas. É com tristeza que compartilhamos esta notícia com os nossos clientes e parceiros que ao longo de todos estes anos nos demonstraram confiança e nos deram apoio."

Clique aqui e receba as notícias da região no seu WhatsApp.

Segundo o portal TecMundo, com a saída, é possível que o projeto de smartphone de tela "enrolável" da empresa, o LG Rollable, não passe mais da fase de protótipo. Ele foi mostrado pela primeira vez em janeiro de 2021 e tinha previsão de lançamento para este ano.

Ainda de acordo com o portal, a divisão mobile da marca apresentava prejuízos há anos, mas a companhia estava otimista com uma virada. 

Baixe o aplicativo da ClicRádio e acompanhe os programas ao vivo.

O G1 informou que no Brasil, a medida deve impactar diretamente a fábrica da cidade de Taubaté, no interior de São Paulo, a única da companhia no país voltada para a produção de smartphones. A unidade tem cerca de mil funcionários, sendo 400 alocados na área celulares e outros 600 para a produção de monitores.

O anúncio não deve afetar a outra fábrica que a LG mantém no país, localizada em Manaus (AM) e voltada para a produção de aparelhos de ar-condicionado, geladeiras e outros eletrodomésticos.