Saúde e Bem Estar

Nova cepa da Covid-19 descoberta na África do Sul é reconhecida pela OMS como "preocupante"

Batizada de "Omicron", variante trouxe novas preocupações às autoridades sanitárias.
Por: Redação/Clic Camaquã | Publicado: 26/11/2021 às 16:21 | Alterado: 29/11/2021 às 22:05
Foto: reprodução
Foto: reprodução

A Organização Mundial da Saúde declarou a variante B.1.1.529 como uma "variante de preocupação" e escolheu como nome "Omicron". Com essa classificação, a nova variante foi colocada no mesmo grupo de versões do coronavírus que já causaram impacto no avanço da pandemia: alfa, beta, gama e delta.

A Omicron foi originalmente descoberta na África do Sul. Ela é considerada de preocupação, pois tem 50 mutações, sendo mais de 30 na proteína 'spike' ( a chave de que o coronavírus usa para entrar nas células e que é o alvo da maioria das vacinas contra a Covid-19.

Ainda não se sabe se ela é mais transmissível ou mais letal. A própria OMS diz que precisará de semanas para compreender melhor o comportamento da variante.

Ao menos 9 países já anunciaram restrições a voos de nações africanas devido à B.1.1.529 até o momento.

deixe seu comentário