Saúde e Bem Estar

Dr. Beto Grill passa por cirurgia no coração em Porto Alegre

Após sentir dores no peito, ex-vice-governador foi encaminhado ao Hospital da PUC, onde passou por um cateterismo
Por: Elias Bielaski | Publicado: 21/07/2021 às 11:03 | Alterado: 28/07/2021 às 14:41 | Fonte: Colaboração do jornalista Eduardo Costa
Beto Grill na ClicRádio. Foto: Elias Bielaski
Beto Grill na ClicRádio. Foto: Elias Bielaski

Durante o último final de semana, o ex-vice-governador do Estado do Rio Grande do Sul, Beto Grill, precisou passar por uma cirurgia no coração. Após sentir um desconforto no peito, ele foi levado ao Hospital São Lucas, da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS), onde realizou um cateterismo.

A reportagem do Clic Camaquã entrou em contato com João Pedro Grill, vereador camaquense pelo PSB e filho do ex-vice-governador, ex-deputado Estadual e ex-prefeito de São Lorenço do Sul e Cristal.

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

No relato feito à reportagem, João Pedro contou que durante a última semana, Grill sentiu um desconforto no peito e passou a observar a situação com preocupação.

A situação inspirou cuidado redobrado, tendo em vista que Beto já havia tido uma parada cardíaca cerca de 4 anos atrás. Na ocasião, ele foi levado ao Hospital Nossa Senhora Aparecida e reanimado pela equipe da casa de saúde camaquense, sendo encaminhado com urgência ao Hospital da PUC. 

"Como ele já passou por essa primeira experiência, ele notou que havia algo de estranho", relatou João Pedro.

Beto Grill relatou dores mais fortes no último domingo (18) e em contato com o seu médico, doutor Mário Warlet, agendou o procedimento de cateterismo, também no hospital da PUC. 

Quer ganhar uma pizza Frazione? Clique aqui!

O procedimento foi realizado, resultando na colocação de mais um stent, que é uma prótese metálica expansível, implantada com o intuito de diminuir a chance da artéria coronária ficar novamente obstruída por aterosclerose com o passar do tempo.

João Pedro relatou ainda que após a cirurgia, Beto voltou para Camaquã e nesta terça-feira (20), voltou a sentir um desconforto. Ele retornou à Porto Alegre, realizou novos exames e logo em seguida, teve alta, não sendo constatada nenhuma alteração.

"Pelo relato dos médicos no exame, está tudo ótimo. O coração tá muito bem. Pelos médicos, eles dizem que não precisamos nos preocupar"

O vereador camaquense ainda relatou que na primeira vez, aconteceu a emergência para que fosse tomada uma providência. Desta vez, o procedimento foi realizado no primeiro desconforto, o que traz maior tranquilidade. "Dessa vez ele sentiu e fez com antecedência", contou.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Na última sessão ordinária da Câmara Municipal de Vereadores, João Pedro Grill utilizou seu espaço de explicação pessoal para falar sobre o procedimento, a recuperação e a preocupação com o estado de saúde do pai.

"Muitas vezes, a gente reconhece as pessoas quando a gente perde as pessoas. Eu não sabia se durante aquela 1h de procedimento, meu pai iria sair com vida", contou o vereador, que falou sobre os exemplos trazidos por seu pai ao longo da vida. "Se hoje tenho orgulho do meu pai, tenho responsabilidade de ser uma referência para o meu filho", complementou.

Assista o pronunciamento, disponível no YouTube do Clic Camaquã:

Beto Grill foi Deputado Estadual e prefeito das cidades de São Lourenço do Sul, entre 1993 e 1996, e Cristal, entre 2001 e 2006 (por dois mandatos consecutivos), quando se retirou para concorrer à vaga de governador do Rio Grande do Sul.

Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

Em 2010, concorreu ao cargo de vice-governador na chapa de Tarso Genro e foi eleito.

deixe seu comentário