Política

Projeto de alimentação escolar na América Latina é apresentado pela FAO

Iniciativa abre caminho para nova cultura alimentar, diz coordenadora
Por: Celiomar Garcia | Publicado: 27/11/2021 às 08:21 | Alterado: 02/12/2021 às 06:15 | Fonte: Agência Brasil
Foto: Agência Brasil
Foto: Agência Brasil

Na sexta-feira (26), a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) apresentou no Green Rio, na Marina da Glória, o projeto Consolidação de Programas de Alimentação Escolar na América Latina e no Caribe, uma iniciativa de cooperação técnica internacional com o governo brasileiro que trabalha para fortalecer as políticas de alimentação escolar na região.

>NEGÓCIO FECHADO: Uvel vende mais um carro no Mega Feirão do Clic<

Para a coordenadora do projeto, Najla Veloso, a alimentação escolar é uma estratégia de enfrentamento do sobrepeso e da obesidade e representa a possibilidade de educar para uma nova cultura alimentar. 

“Esse painel promoverá também a reflexão sobre as ações em andamento e as necessárias mudanças nessa política para a transformação dos sistemas alimentares”, disse Najla.

>Rogério Multimarcas fecha mais um negócio no Mega Feirão do Clic Camaquã<

Segundo a (FAO), a região é a mais cara para se alimentar de forma saudável, sendo uma realidade inalcançável para 113 milhões de pessoas.A falta de acesso a dietas saudáveis e a baixa qualidade da alimentação trazem impactos negativos e elevam a probabilidade de deficiências, aumentando o sobrepeso e a obesidade, assim como doenças crônicas não transmissíveis.

>NEGÓCIO FECHADO: Véco Veículos vende mais um automóvel no Mega Feirão do Clic<

O Green Rio teve sua primeira edição em 2012, quando foi um evento paralelo da Conferência Rio+20. Ao longo desses oito anos, o evento se firmou como plataforma de negócios sustentáveis que reúne expositores, palestrantes e representantes da economia verde e do setor orgânico. Este ano, o Green Rio tem atividades presenciais e transmissões online.

deixe seu comentário