Política

"Eu não fiquei ao lado dos reis: eu fiquei ao lado do povo", afirma ex-prefeito Hermes da Rocha

Hermes e o vereador Claiton Silva falaram sobre o Projeto de Decreto Legislativo que deu o Título de Cidadão Camaquense Honorário ao ex-prefeito da cidade; confira
Por: Sabrina Borges | Publicado: 11/10/2021 às 15:47 | Alterado: 16/10/2021 às 18:28
Foto: Elias Bielaski/Clic Camaquã
Foto: Elias Bielaski/Clic Camaquã
Foto: Elias Bielaski/Clic Camaquã
Foto: Elias Bielaski/Clic Camaquã
Foto: Elias Bielaski/Clic Camaquã
Foto: Elias Bielaski/Clic Camaquã

Na manhã do sábado (09), o programa Controle Geral recebeu o ex-prefeito Hermes da Rocha e o vereador e professor Claiton Silva. Os convidados falaram sobre o Projeto de Decreto Legislativo outorgou o Título de Cidadão Camaquense Honorário ao ex-prefeito Hermes da Rocha. 

O projeto foi proposto pelo vereador Claiton e teve aprovação por unanimidade. Hermes comentou que ficou muito feliz pela iniciativa do vereador e agradeceu o título. 

"Eu acho que isso é importante porque é uma forma da gente despertar e chamar a atenção para a importância da política", comentou. Hermes comentou que a ser político era uma escolha, porque ele exercia outras profissões, como contador, professor e agricultor nas horas vagas. 

"A política era opção por eu acreditar e ver a necessidade de lutarmos pela democracia. A democracia não tem preço" , afirmou. Hermes comentou que não se faz democracia sem partidos políticos.

LEIA: Projeto que homenageia Hermes da Rocha é aprovado pela CCJ da Câmara

"Eu fiz politica em um momento muito difícil do nosso país e eu não fiquei do lado dos reis, eu fiquei do lado do povo", falou. Ele comentou que essa ação, de lutar a favou do povo, poderia gerar consequências, como retaliações, ser preso eu até mesmo coisas piores, que foram presenciadas na época.

deixe seu comentário