Política

Deputado critica novo Fundo Eleitoral: "Votei contra e convicto que isso é demais"

No Controle Geral, Heitor Schuch (PSB) lamentou que enquanto Fundo Eleitoral tenha aumentado quase três vezes, salário mínimo teve correção abaixo da inflação projetada
Por: Elias Bielaski | Publicado: 17/07/2021 às 10:18 | Alterado: 24/07/2021 às 14:55
Deputado Federal Heitor Schuch. Foto: Elias Bielaski / ClicRádio
Deputado Federal Heitor Schuch. Foto: Elias Bielaski / ClicRádio
Deputado Federal Heitor Schuch. Foto: Elias Bielaski / ClicRádio
Deputado Federal Heitor Schuch. Foto: Elias Bielaski / ClicRádio

Na manhã deste sábado, 17 de julho, o programa Controle Geral contou com a presença do deputado Federal Heitor Schuch, do Partido Socialista Brasileiro (PSB). Ele esteve no estúdio da ClicRádio para conversar com Alvorino Osvaldt e Danilo Beltrami sobre as principais pautas da semana.

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

No início de sua fala, o deputado falou sobre a Lei das Diretrizes Orcamentárias (LDO) de 2022, aprovada pela Câmara dos Deputados nesta semana e que teve um aumento do Fundo Eleitoral de R$2,2 bilhões para R$5,7 bilhões.

Ele elogiou a colocação do comentarista Danilo Beltrami e corroborou com a tese de que o aumento é extremamente excessivo: 

"Votei contra, convicto que isso é demais, mais ainda pelo fato que: salário mínimo aumentar apenas R$47 pro ano que vem, sabendo que o próprio Governo projetou inflação de 9%. Então tem que repor pelo menos os 9% e aumentar o salário em 90 reais!"

Quer ganhar uma pizza Frazione? Clique aqui!

O deputado também destacou que para o aposentado, que trabalhou a vida toda e contribuiu para a previdência, um aumento de apenas metade da inflação se torna uma espécie de castigo: "Eles não merecem isso!"

Assista a entrevista completa:

Heitor José Schuch é um deputado Federal nascido em Santa Cruz do Sul. Tem origem na agricultura familiar e atualmente, é um político filiado ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). Ele exerce seu segundo mandato de deputado federal pelo Rio Grande do Sul.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Todos os sábados, o deputado participa do programa Controle Geral como comentarista fixo, em participação por telefone, vídeo ou gravadas e enviadas à equipe da ClicRádio.

Com relação ao Fundo Eleitoral, o deputado destacou ser a favor da existência mas desde que dentro de um padrão, com reajustes pontuais e de acordo com o necessário, diferente do que aconteceu nesta semana. Segundo ele, o formato de campanha financiada com dinheiro privado acabou gerando corrupção e prisão de diversos políticos.

Ele ainda lembrou que isso só acabou quando a verba privada foi proibida, com o novo sistema sendo fiscalizado pelo Tribunal de Contas e pelo Ministério Público.
deixe seu comentário