Polícia

Polícia prende jovem que confessou assassinato da própria namorada

Jovem de 19 anos foi preso preventivamente, suspeito de feminicídio ocorrido na madrugada de sábado (17) em Bento Gonçalves
Por: Elias Bielaski | Publicado: 18/07/2021 às 15:00 | Alterado: 25/07/2021 às 22:20 | Fonte: Polícia Civil
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

No final da tarde de sábado (17/07), a Polícia Civil prendeu preventivamente autor de feminicídio ocorrido na madrugada do mesmo dia em Bento Gonçalves. A vítima tinha 19 anos e era namorada do autor do crime. 

Ela foi identificada como Joana Fabris Deon de 19 anos. O possível autor foi identificado como Paulo Eduardo Scaravonatto, também de 19 anos.

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

Conforme investigações a vítima deu  entrada no Hospital Tachini ferida por disparo de arma de fogo, que, a princípio, chegou ao hospital com vida, mas não resistiu e veio óbito.

Diante do fato a Brigada Militar foi acionada e pode apurar que se tratava da jovem, a qual chegou ao hospital levada pelo rapaz, também com 19 anos de idade, que se identificou como namorado dela.

Ainda no hospital, esse rapaz alegou que estava em via pública com a namorada, quando foram assaltados e  a moça reagiu sendo baleada.

O suposto namorado, conduzido pela Brigada Militar até a Delegacia de Pronto Atendimento reiterou a versão antes dada aos policiais militares e foi liberado.

Quer ganhar uma pizza Frazione? Clique aqui!

Desta maneira o fato foi inicialmente registrado como Latrocínio, portanto, roubo seguido de morte.

No entanto, algumas horas depois, os rumos das investigações mudaram, pois o pai do rapaz compareceu no plantão policial e declarou que o filho havia matado a moça com uma arma de fogo.

A partir dessa informação, diversas diligência foram realizadas pelas Seções de Investigação da 1ª Delegacia de Polícia de Bento Gonçalves e da DEAM de Bento Gonçalves, bem como pelo Serviço de Inteligência da Brigada Militar.

Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

Em uma das diligências foram localizados os pertences da vítima, tendo a confirmação de que a residência do rapaz era a cena do crime a partir da realização de perícia no local com a aplicação da técnica do luminol.

Ainda foram coletadas depoimentos de testemunhas importantes para o esclarecimento do fato.

Ainda, em sede de plantão, a Polícia Civil representou pela Prisão Preventiva do indivíduo, que restou deferida pelo Poder Judiciário e devidamente cumprida por agentes da 1ª DP e da DEAM no final da tarde.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Maiores informações podem ser adquiridas com a Delegada Deise Ruschel da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Bento Gonçalves.

deixe seu comentário