Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • clarão—970×90
  • 970×90 (3)

Cadernetas da Criança começam a ser distribuídas para municípios com decretos de calamidade pública

A primeira remessa foi para a 11ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), com sede em Erechim


Por Kathrein Silva Publicado 19/06/2024
Ouvir: 00:00
PNG (14)
Foto: Divulgação SES

O primeiro lote de 110 Cadernetas da Criança, um total de cerca de 10 mil, foi entregue pelo setor de Suprimentos da Secretaria da Saúde (SES) nesta segunda-feira (17) para serem enviados a municípios em estado de calamidade pública causada pela enchente. A primeira remessa foi para a 11ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), com sede em Erechim.  

As cadernetas estão sendo distribuídas de forma excepcional para crianças menores de cinco anos. Até sexta-feira (21) serão entregues todos os lotes, destinados a municípios de mais nove regionais de saúde (Porto Alegre, Pelotas, Santa Maria, Caxias do Sul, Passo Fundo, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul, Lajeado e Osório).

A ação visa suprir os documentos que foram perdidos ou avariados. A distribuição está sendo organizada pela SES em conjunto com o Ministério da Saúde, que enviou os materiais. A SES orienta aos municípios que a entrega das cadernetas em lote extraordinário é prioritária para crianças em abrigos ou desalojadas, mas também pode ser realizada nas unidades de saúde básica ou por busca ativa, conforme disponibilidade das equipes.

No momento da entrega, os profissionais da saúde devem preencher as cadernetas com os dados de identificação e outras informações que forem possíveis de se obter. Posteriormente, em consultas de rotina, outras informações podem ser complementadas.

Número de cadernetas por CRS  

  • 1ª – sede Porto Alegre, que atende a toda a Região Metropolitana: 5.450 (sendo 2.000 para a capital)  
  • 3ª – sede Pelotas: 1.000
  • 4ª – sede Santa Maria: 600
  • 5ª – sede Caxias do Sul: 1.280
  • 6ª – sede Passo Fundo: 120  
  • 8ª – sede Cachoeira do Sul: 160  
  • 11ª – sede Erechim: 110
  • 13ª – sede Santa Cruz do Sul: 560
  • 16ª – sede Lajeado: 560 
  • 18ª – sede Osório: 100

Duas versões da Caderneta da Criança:


  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • 970×90 (3)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)