Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • 970×90 (3)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • globalway (1)
  • clarão—970×90

Aumento de casos de dengue em crianças e adolescentes impulsionam campanha de vacinação no RS

Em comparação com 2023, os casos confirmados da doença em crianças e adolescentes de 10 a 14 anos subiram de 2.462 para 10.237


Por Kathrein Silva Publicado 10/07/2024
Ouvir: 00:00
Foto: Agencia Brasil

Tem aumentado o número de casos de dengue em 2024. A quantidade de casos confirmados no primeiro semestre, comparado com o ano anterior, foi três vezes maior chegando a 174,1 mil confirmações. Desses casos, 10.237 são de crianças e adolescentes de 10 a 14 anos.

Em comparação com 2023, os casos confirmados da doença em pessoas de 10 a 14 anos subiram de 2.462 para 10.237, um aumento de cerca de 415,8%. As cidades que registraram números significativos foram Novo Hamburgo (1.033), Santa Rosa (927) e São Leopoldo (836).

Apesar de apresentar menor letalidade entre os mais jovens, três pessoas na faixa etária entre 10 e 14 anos já morreram em decorrência da doença. s óbitos ocorreram nos municípios de Cachoeira do Sul, Santa Maria e São Leopoldo.

Vacinas

As vacinas contra a dengue começaram a ser distribuídas para as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Rio Grande do Sul desde o final de abril. No total, o Estado já recebeu 50.658 doses da Qdenga, distribuídas para 67 cidades em quatro regiões de saúde. Contudo, das doses já entregues, apenas 10.225 (20,18%) foram aplicadas.

Entre as regiões que já receberam doses da Qdenga, a que possui menor taxa de vacinação é a 28ª, que abrange 13 municípios do Vale do Rio Pardo. Das 4.524 doses distribuídas para a região, apenas 280 (6,18%) foram aplicadas no público-alvo da vacina.

A 10ª região, composta pela capital Porto Alegre e outros cinco municípios, é a que já aplicou a maior quantidade de vacinas. Do total de 31.540 doses, 7.991 já foram utilizadas, o que representa 25,33% do total. Além disso, 841 unidades da vacina já foram distribuídas para as cidades no lote referente à segunda dose do imunizante.

A vacinação contra a dengue é realizada somente nas UBS dos municípios que já receberam as doses da Qdenga. O esquema vacinal completo inclui duas doses do imunizante, administradas com um intervalo de três meses.

Segundo o Ministério da Saúde, estão sendo vacinadas as crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos, faixa etária que, nacionalmente, concentra o maior número de hospitalizações por dengue nos últimos anos: 16,4 mil de janeiro de 2019 a novembro de 2023.

A vacina desse fabricante não é autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para pessoas acima dos 60 anos, público que concentra o maior número de óbitos no Rio Grande do Sul.

Casos da Doença por idade

O painel da Secretaria da Saúde também demostrou que o maior número de infectados com a doença são os da faixa etária de 20 – 29 anos, com 27.152 casos. A idade menos contaminada com a doença é de até 1 ano com apenas 960 casos.

Confira as demais idades:

  • 1 a 4 anos: 2.594 casos;
  • 5 a 9 anos: 7.192 casos;
  • 15 a 19 anos: 12.039 casos;
  • 30 a 39 anos: 26.568 casos;
  • 40 a 49 anos: 26.684 casos;
  • 50 a 59 anos: 24.643 casos;
  • 60 a 69 anos: 21.018 casos;
  • 70 a 79 anos: 12.091casos;
  • De 80 anos ou mais: 4.343.

Confira a lista de municípios com doses da vacina disponíveis.

  • Alvorada
  • Araricá
  • Aratiba
  • Áurea
  • Barão de Cotegipe
  • Barra do Rio Azul
  • Benjamin Constant do Sul
  • Cachoeirinha
  • Campinas do Sul
  • Campo Bom
  • Candelária
  • Carlos Gomes
  • Centenário
  • Charrua
  • Cruzaltense
  • Dois Irmãos
  • Entre Rios do Sul
  • Erebango
  • Erechim
  • Erval Grande
  • Estação
  • Estância Velha
  • Faxinalzinho
  • Floriano Peixoto
  • Gaurama
  • Getúlio Vargas
  • Glorinha
  • Gramado Xavier
  • Gravataí
  • Herveiras
  • Ipiranga do Sul
  • Itatiba do Sul
  • Ivoti
  • Jacutinga
  • Lindolfo Collor
  • Marcelino Ramos
  • Mariano Moro
  • Mato Leitão
  • Morro Reuter
  • Nonoai
  • Nova Hartz
  • Novo Hamburgo
  • Pantano Grande
  • Passo do Sobrado
  • Paulo Bento
  • Ponte Preta
  • Portão
  • Porto Alegre
  • Presidente Lucena
  • Quatro Irmãos
  • Rio dos Índios
  • Rio Pardo
  • Santa Cruz do Sul
  • Santa Maria do Herval
  • São José do Hortêncio
  • São Leopoldo
  • São Valentim
  • Sapiranga
  • Severiano de Almeida
  • Sinimbu
  • Três Arroios
  • Vale do Sol
  • Vale Verde
  • Venâncio Aires
  • Vera Cruz
  • Viadutos
  • Viamão

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 970×90 (3)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • BANNER UNICRED 2
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • clarão—970×90