Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • globalway (1)
  • 970×90 (3)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • clarão—970×90

Jornalista Oswaldo Eustáquio, investigado por fake news, nega ter ido ao Palácio da Alvorada por temor de prisão

Na postagem, Eustáquio negou a informação e a classificou como “mentira”


Por Redação Clic Camaquã Publicado 13/12/2022
Ouvir: 00:00
Foto: Divulgação

Oswaldo Eustáquio, jornalista investigado no inquérito das fake news, afirmou, em vídeo publicado nas redes sociais nesta terça-feira (13), que não se dirigiu ao Palácio da Alvorada por temer ser preso.

“Que eu saiba, não há nenhum mandado de prisão contra mim. A minha entrada no Alvorada por volta das 21h desta segunda-feira não tem nenhuma relação com refúgio de prisão”, disse Eustáquio.

“Antes de entrar no Alvorada, liguei para meu advogado Levi de Andrade e pedi a ele que fosse à sede da Polícia Federal (PF) dar toda assistência jurídica ao cacique Serere e que minha bateria estava acabando, portanto, não conseguiria falar com ele nas próximas horas”, acrescentou.

Segundo o analista de política da CNN Caio Junqueira, o advogado Levi de Andrade recebeu um telefone de Eustáquio no começo da noite de dentro do Alvorada. O blogueiro teria ido até lá por temer uma prisão.

“A informação que ele me deu é que ele estava dentro do Alvorada. Ele estava lá e quando soube do mandado de prisão contra o cacique me pediu para ajudá-lo”, disse o advogado na ocasião.

Na postagem, Eustáquio negou a informação e a classificou como “mentira”.


  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 970×90 (3)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)