Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 970×90 (3)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • BANNER UNICRED 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • clarão—970×90
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)

Acusados de envolvimento em plano para sequestrar e matar Sergio Moro são mortos na prisão

Três presos assumiram a autoria dos homicídios


Por Pablo Bierhals Publicado 18/06/2024
Ouvir: 00:00
FOTO 180×720 – 2024-06-18T074437.164
Foto: Reprodução

Os dois presos acusados de integrar um plano criminoso para sequestrar e executar o senador Sergio Moro (União Brasil) e outras autoridades foram assassinados a facadas, na tarde segunda-feira (17), na Penitenciária Maurício Henrique Guimarães Pereira, a P2, em Presidente Venceslau, em São Paulo.

De acordo com a Polícia Federal, eles eram chefes de um núcleo do alto escalão de uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios. Janeferson Aparecido Mariano Gomes, o Nefo, e Reginaldo Oliveira de Sousa, o Rê, haviam sido presos em março de 2023, durante a Operação Sequaz, que investigou o plano elaborado pela facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) contra os agentes públicos.

Autoria

A Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo (SAP-SP), em nota ao G1, confirmou que três presos assumiram a autoria dos homicídios no interior de um dos pavilhões da P2 e um quarto detento está sendo investigado pela Polícia Civil como suspeito de ter participado da ação.

Os três detentos foram isolados e deverão responder por esses novos crimes.


  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • clarão—970×90
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • globalway (1)
  • 970×90 (3)