Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • BANNER UNICRED 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • 970×90 (3)
  • clarão—970×90

Influenciador é acusado de debochar de filha com paralisia cerebral

Em um dos vídeos investigados, ele chama a filha de "inútil" após pedir que ela vá ao mercado


Por Pablo Bierhals Publicado 25/06/2024
Ouvir: 00:00
FOTO 180×720 – 2024-06-25T094346.545
Foto: Divulgação/Redes Sociais

O influenciador digital Igor Viana, de 24 anos, está sob investigação por uma série de supostos crimes envolvendo sua filha de 2 anos, que tem paralisia cerebral. A delegada Aline Lopes, em entrevista ao g1, explicou que Viana compartilha a rotina da filha nas redes sociais, frequentemente ridicularizando a criança. Em um dos vídeos investigados, ele chama a filha de “inútil” após pedir que ela vá ao mercado.

Conduta Inapropriada nas Redes Sociais

“Isso não é uma brincadeira; é uma exposição e constrangimento, não apenas para ela, mas para todas as crianças com deficiência. Além disso, ele faz declarações problemáticas e degradantes sobre a menina, causando ainda mais constrangimento,” afirmou a delegada.

Questionado sobre o possível desvio de dinheiro, Viana negou qualquer crime. Ele argumentou ao g1 que o dinheiro enviado pelos seguidores era depositado em sua conta, já que sua filha não possui PIX, e que ele não estava obrigado a gastar exclusivamente com ela. “Eu também tenho necessidades,” justificou Igor.

Em relação aos vídeos em que zomba da filha, Igor alegou que a criança é difícil de lidar.

Envolvimento da Mãe

Ainda em entrevista ao g1, a delegada mencionou que a mãe da criança também é suspeita de desviar dinheiro e que, se as acusações contra Igor forem confirmadas, ela poderá responder por omissão. “Como mãe, ela tem a responsabilidade de impedir esse tipo de comportamento. Se ela consentiu e não tomou providências, pode ser responsabilizada,” explicou a delegada.

Investigação

Igor e a mãe da menina estão separados há algum tempo, e não há disputa judicial pela guarda da criança, embora houvesse um acordo de que Igor moraria com a filha.

A investigação sobre maus-tratos começou após denúncias de que a menina estava sendo negligenciada e não recebia cuidados adequados. “Recebemos inúmeras denúncias e estamos investigando cada uma, conversando com pessoas próximas a eles. Muitas das ações de Igor parecem ser estratégias de marketing para gerar engajamento nas redes sociais,” observou a delegada.

Atualmente, a polícia está ouvindo testemunhas e, em breve, os pais da menina prestarão depoimento. Devido ao envolvimento de uma menor, mais detalhes da investigação não foram divulgados.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • BANNER UNICRED 2
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • 970×90 (3)
  • clarão—970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111