Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 970×90 (3)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • BANNER UNICRED 2

Vinícius Júnior pede desculpas por ter desfalcado Brasil em eliminação contra o Uruguai

O atacante Vinícius Júnior reconheceu que cometeu um "erro" ao receber dois cartões amarelos "evitáveis" durante a fase de grupos da Copa América


Por Pablo Bierhals Publicado 09/07/2024
Ouvir: 00:00
vinicius_junior_selecao_0 (1)
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O atacante Vinícius Júnior reconheceu que cometeu um “erro” ao receber dois cartões amarelos “evitáveis” durante a fase de grupos da Copa América, o que resultou na sua suspensão e ausência nas quartas de final, onde a seleção brasileira foi eliminada pelo Uruguai. Vinícius Júnior desabafou nas redes sociais nesta terça-feira (9), três dias após a derrota do Brasil nos pênaltis (4 a 2), após um empate de 1 a 1 no tempo regulamentar.

“Errei ao tomar dois cartões amarelos evitáveis. Mais uma vez assisti à eliminação de fora do campo, mas, desta vez, por culpa minha. Peço desculpas por isso. Sei ouvir críticas, e as mais duras, acreditem, vêm de dentro de casa. Minha trajetória na seleção está apenas começando. Ao lado dos meus companheiros, terei a chance de recolocar nossa Seleção no lugar que ela merece”, declarou o atacante de 23 anos.

No último sábado (6), Vini Jr não pôde participar da partida contra o Uruguai devido à suspensão automática após acumular dois cartões amarelos na fase de grupos. O último cartão foi recebido logo aos seis minutos de jogo, quando o camisa 7 atingiu James Rodriguez com o braço após uma disputa de bola.

A eliminação do Brasil no sábado (6) marcou a nona vez que o país é desclassificado nas quartas de final desde a conquista do pentacampeonato mundial em 2002. A seleção amarga uma sequência de cinco eliminações consecutivas nas quartas de final das Copas do Mundo (2006, 2010, 2014, 2018 e 2022) e outras quatro nas Copas Américas (2011, 2015, 2016 e 2024).

Agora, a seleção brasileira foca na classificação para a Copa do Mundo de 2026, que será realizada nos Estados Unidos, Canadá e México. O Brasil ocupa a sexta posição na tabela de classificação, com 12 rodadas restantes nas Eliminatórias Sul-Americanas. O próximo jogo será em casa contra o Equador, no dia 5 de setembro. Apenas os sete primeiros colocados ao fim das Eliminatórias garantirão presença na Copa de 2026.


  • clarão—970×90
  • globalway (1)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • 970×90 (3)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)