Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • BANNER UNICRED 2
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • clarão—970×90
  • 970×90 (3)

São Lourenço do Sul sedia Abertura da Colheita do Tabaco no RS

A solenidade ocorreu na localidade de Campos Quevedos, interior de São Lourenço do Sul, na região Sul do Estado, e reuniu cerca de 230 pessoas


Por Eduardo Costa Publicado 07/12/2022
Ouvir: 00:00
São Lourenço do Sul sedia a Abertura da Colheita do Fumo no RS
São Lourenço do Sul sedia a Abertura da Colheita do Fumo no RS

Abertura da Colheita do Tabaco no RS. Os produtores rurais Romiro Bierhals e esposa Marilda, Tiago Rutz Krolow e esposa Josiane, e Josiel Bierhals, recepcionaram hoje, 6 de dezembro, autoridades e lideranças para a Abertura Oficial da Colheita do Tabaco no Rio Grande do Sul. A solenidade ocorreu na localidade de Campos Quevedos, interior de São Lourenço do Sul, na região Sul do Estado, e reuniu cerca de 230 pessoas. As informações são da Assessoria de Imprensa da Afubra.

Para o presidente do SindiTabaco, Iro Schünke, “é importante proteger o sistema integrado da produção de tabaco para que os fumicultores brasileiros possam, por várias décadas, continuar produzindo tabaco de qualidade, que nos torna, há 30 anos, o maior exportador e o segundo maior produtor.

Leia as notícias do agro no Clic Camaquã clicando aqui

Abertura da Colheita do Tabaco no RS

Ao agradecer a família anfitriã, o presidente da Afubra, Benício Albano Werner, conclamou a imprensa sobre a importância de divulgar o que representa o setor tabaco para os produtores, mas também para os municípios, estados e para o Brasil. Sobre a estimativa de produção para a safra atual, Werner explicou a forma como esses números são obtidos, lembrando que os números finais de produção e produtividade dependem do clima. “Nossa orientação, como entidade, sempre é de não aumentar a produção, mas, apostar na qualidade, para que possamos ter um bom preço no momento da comercialização”.

O deputado estadual Elton Weber destacou que “devemos defender o setor que traz muitas divisas ao País”. Já o deputado estadual Zé Nunes, representando a Assembleia Legislativa, lembrou que o tema da cadeia produtiva é amplo. “Agora trabalhamos numa forma de estabilizar o momento da comercialização”.

O secretário estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Domingos Antônio Velho Lopes, representando o Governo do Estado, lembrou a representatividade da cadeia produtiva do tabaco. “Nesse sentido, na valorização do produtor rural, temos trabalho e nós vamos defender as 35 cadeias produtivas. Nosso Estado é agrícola. Precisamos mostrar o nosso valor e nossa importância, inclusive, no cumprimento das regras ambientais, sociais e econômicas”, disse o Secretário. Ele finalizou dizendo, que é necessário se unir para construir boas soluções para todos, deixando um legado para as próximas gerações.

O prefeito de São Lourenço do Sul, Rudinei Härter, ao citar a diversificação do município, enfatizou importância do setor do tabaco. “Aqui temos 3.930 famílias envolvidas com a produção. O setor também se destaca por suas ações sociais e assistência técnica das empresas e da Afubra. Com alegria, podemos declarar oficialmente aberta a colheita do tabaco aqui em São Lourenço do Sul e nas demais regiões produtoras”, declarou.

Anfitriões

Associado da Afubra desde 1992, Romiro e a esposa Marilda, tem na filha Josiane e no genro Tiago, associados da entidade desde 2012, e no filho Josiel, a sucessão da propriedade de 29 hectares. Destes, 15% são destinados à plantação de tabaco e 43% utilizados para milho e soja. A propriedade conta ainda com benfeitorias, mata nativa e reflorestamento com eucalipto, açude, pomar e horta.

Homenagem

Os proprietários que cederam a propriedade para a realização do evento receberam do SindiTabaco uma cesta com flores e da Afubra, uma cesta com produtos da Expoagro Afubra e um kit produtividade com insumos para o plantio de um hectare de milho.

Benício Albano Werner, Presidente da Afubra

Plante Milho e Feijão

Aproveitando a Abertura da Colheita do Tabaco, SindiTabaco, Afubra, Fetag, Farsul e Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul realizaram a assinatura do convênio do Programa Milho, Feijão e Pastagens após a colheita do tabaco. O programa incentiva a diversificação e a otimização no aproveitamento dos recursos das propriedades rurais no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e no Paraná.

Abertura Oficial

A Abertura da Colheita do Tabaco no Rio Grande do Sul integra o calendário de eventos do Estado, organizado pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), Afubra, SindiTabaco e Prefeitura de São Lourenço do Sul. O primeiro evento foi realizado em 2017, em Venâncio Aires; o segundo, em 2018, em Canguçu; o terceiro, 2019, em Arroio do Tigre; e o quarto, em 2021, em Vale do Sol.

São Lourenço do Sul

Na safra 2021/2022 foram 3.930 famílias que produziram, em 6.958 hectares, 15.325 toneladas de tabaco, colocando o município na 4ª posição do ranking, no Sul do Brasil. O produtor recebeu, em média, R$ 16,12 por quilo de tabaco comercializado, totalizando um faturamento de R$ 247.039.000,00.

Números

A produção sul-brasileira de tabaco na safra 2021/2022 foi de 560.181 toneladas, sendo 512.594 toneladas na variedade Virgínia, 41.793 no Burley e 5.794 toneladas no Galpão Comum. O Rio Grande do Sul foi responsável por 44,2% da produção do Sul do Brasil, alcançando 247.334 toneladas. Saiba mais sobre a safra 2021/2022 aqui.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • clarão—970×90
  • 970×90 (3)
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • BANNER UNICRED 2