Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nosso portal, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com este monitoramento. Leia mais na nossa Política de Privacidade.

  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • globalway (1)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • 970×90 (3)
  • clarão—970×90

Construção de medidas voltadas aos produtores rurais é discutida com o Governo Federal

Reunião foi realizada nesta sexta-feira (28) na sede da Farsul


Por Pablo Bierhals Publicado 28/06/2024
Ouvir: 00:00
FOTO 180×720 – 2024-06-28T153657.482
Foto: Divulgação Seapi

A sede da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul) foi palco de uma reunião crucial entre o governo estadual, representantes federais e a Farsul nesta sexta-feira (28). O foco principal do encontro foi a recuperação da agricultura gaúcha, com a expectativa de que medidas especiais sejam implementadas para apoiar os produtores rurais da região.

O governo do Estado esteve representado pelos secretários Artur Lemos (Casa Civil), Clair Kuhn (Agricultura, Pecuária, Produção Sustentável e Irrigação) e Lindomar Moraes (Desenvolvimento Rural). Pelo governo federal, participaram Paulo Pimenta (ministro da Secretaria Extraordinária da Presidência para Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul) e Carlos Fávaro (ministro da Agricultura e Pecuária). Gedeão Pereira, presidente da Farsul, também esteve presente, juntamente com toda a diretoria da entidade.

Medidas Emergenciais e Fundo Garantidor de Crédito

O ministro Carlos Fávaro anunciou a suspensão emergencial dos vencimentos das dívidas dos produtores até 14 de agosto e a criação do Fundo Garantidor de Crédito. “Já atendemos essa demanda e continuamos a buscar novas alternativas”, destacou Fávaro.

Além disso, foi formado um grupo de trabalho com membros do Ministério da Agricultura e da Câmara dos Deputados para estruturar um diagnóstico e criar soluções de reestruturação para o estado. “O Plano Safra, que será anunciado em 3 de julho, será 9% maior que o anterior e cobrirá 20% a mais da área planejada. Estamos trabalhando para que todos os produtores estejam cobertos pelo seguro rural”, enfatizou o ministro.

Participação do Governo Estadual no Grupo de Trabalho

Artur Lemos solicitou a inclusão do governo estadual no grupo de trabalho para a construção dessas medidas. “As perdas econômicas do Rio Grande do Sul devido a catástrofes ambientais são maiores que em outras regiões do país. É justificável que os órgãos de controle criem algo específico para o nosso Estado”, afirmou o secretário da Casa Civil.

Novas Linhas de Crédito e Negociação de Dívidas

O secretário Clair Kuhn destacou a necessidade de criar novas linhas de crédito e negociar as dívidas existentes dos agricultores. “O produtor consegue pagar, mas precisa de ajuda. A liberação de recursos movimenta a economia do Estado e das cidades”, afirmou Kuhn.

Reivindicações da Farsul e Medidas Emergenciais

Gedeão Pereira informou que, em 7 de maio, a Farsul enviou ao Ministério da Agricultura um ofício com reivindicações para a criação de uma nova linha de crédito com 15 anos de prazo, juros de 3% e carência de dois anos. Ele pediu medidas emergenciais que atendam aos anseios dos produtores gaúchos. “O governo federal alocou rapidamente cerca de R$ 7 bilhões para um leilão de importação de arroz, mas podemos usar esse dinheiro para resolver os problemas dos produtores locais”, afirmou Gedeão. Ele enfatizou a necessidade de agilidade para que os produtores possam acessar os créditos do Plano Safra antes de 14 de agosto.


  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (9)
  • clarão—970×90
  • Design sem nome – 2024-02-29T143231.335
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (7)
  • BANNER UNICRED 2
  • Design sem nome – 2024-02-29T112346.494
  • Faça uma visita na Rua General Zeca Netto, 970 – no centro de Camaquã ENTRE EM CONTATO (51) 9 9368-4947 (8)
  • Banner-Camaqua_CC 970×90
  • Design sem nome – 2024-02-06T154143.111
  • globalway (1)
  • 970×90 (3)