Esporte

Brasil de Pelotas em situação dramática na Série B

O Xavante precisa de um aproveitamento perto dos 60% nos próximos 51 pontos que irá disputar
Por: Celiomar Garcia | Publicado: 28/08/2021 às 15:11 | Alterado: 03/09/2021 às 23:05
Brasil tem missão quase impossível pela frente/Foto: Créditos: Jonathan Silva/Brasil de Pelotas
Brasil tem missão quase impossível pela frente/Foto: Créditos: Jonathan Silva/Brasil de Pelotas

A torcida Xavante vive momentos de muita apreensão com a atual campanha do Brasil de Pelotas no Campeonato Brasileiro da Série B. Atualmente, o Clube de Pelotas está na zona de rebaixamento, ocupando a vice lanterna com 14 pontos. O técnico Tencati começou a competição, mas foi demitido logo após a disputa da 14ª rodada, quando empatou em Santa Catarina com o Avaí por 1 a 1. Tencati comandou o time em 14 jogos na Série B, somando 12 pontos. Foram duas vitórias, seis empates e seis derrotas, com aproveitamento de 28,5%. A direção não perdeu tempo e promoveu o retorno do ídolo Cléber Gaúcho, que nesta temporada conquistou o título do Campeonato Goiano com o modesto Grêmio Anápolis.

Durante a transição, o Brasil foi comandado pelo interino Jeferson Cirilo, na derrota em casa para o Sampaio Corrêa por 2 a 1. Cléber já comandou o Xavante em seis jogos, mas não conseguiu nenhuma vitória, tendo empatado duas e sido derrotado em outras quatro oportunidades. O Brasil terá mais 17 jogos para mudar a atual situação, onde irá disputar 51 pontos e precisará fazer um aproveitamento perto dos 60%, somando cerca de 31 pontos, que aliados aos 14 atuais, chegaria ao total de 45, pontuação dita pelos matemáticos a ideal para escapar da queda a Série C.

Na temporada de 2016, o Joinville foi o primeiro da lista dos rebaixados somando 40 pontos, sendo que o Oeste escapou no limite, somando um ponto a mais, perfazendo um aproveitamento de 35%. Em 2017, a Luverdense abriu a Zona de rebaixamento com 44 pontos e o primeiro a escapar da degola foi Guarani de Campinas, que também somou 44 pontos, mas foi salvo pelos critérios. O aproveitamento do Bugre foi de 38%. 

Na edição de 2018, o Paysandu abriu a lista dos rebaixados, tendo somado 43 pontos. O primeiro da fila entre os que escaparam foi o Oeste, que somou 46 pontos com aproveitamento de 40%. Em 2019, o primeiro rebaixado foi o Londrina com 39 pontos. O Figueirense escapou com 41 pontos e um aproveitamento de 35%. Já em 2020, o Figueirense somou apenas 39 pontos e abriu a lista dos quatro rebaixados. O Náutico com 44 pontos e aproveitamento de 38% escapou da Série C.

O torcedor ainda relembra com emoção, quando num sábado, 17 de outubro de 2015, em pleno Castelão, o Brasil de Pelotas carimbou o passaporte para Série B ao empatar por 0 a 0 com o Fortaleza. Em 2016, o Xavante estreou na B e encerrou na 11ª colocação com 54 pontos, num aproveitamento de 47%. Em 2017, diminuiu a pontuação, mas ficou melhor colocado, encerrando na 8ª colocação com 51 pontos e 44% de aproveitamento. 

Em 2018, o Brasil somou um ponto a menos que a edição anterior, ficando no 11º lugar com 50 pontos, perfazendo um aproveitamento de 43%. Em 2019, o Xavante baixou consideravelmente sua pontuação e encerrou há três posições da zona de rebaixamento, ficando no 14º lugar com 44 pontos e aproveitamento de 38%. Em 2020, o Brasil fechou a competição na 12ª colocação com 49 pontos, num aproveitamento de 42%. 

Jogos do Brasil na Série B

1ª rodada - Brasil 0x0 Londrina – Técnico: Tencati

2ª rodada - Remo 1x0 Brasil – Técnico: Tencati

3ª rodada - Brasil 1x2 Vasco da Gama – Técnico: Tencati

4ª rodada - Confiança 1x1 Brasil – Técnico: Tencati

5ª rodada - Brasil 2x1 Goiás – Técnico: Tencati

6ª rodada - CRB 2x1 Brasil – Técnico: Tencati

7ª rodada - Brasil 1x1 Ponte Preta – Técnico: Tencati

8ª rodada - Brusque 1x0 Brasil – Técnico: Tencati

9ª rodada - Brasil 0x0 Cruzeiro – Técnico: Tencati

10ª rodada - Operário 2x1 Brasil – Técnico: Tencati

11ª rodada - Vila Nova 0x0 Brasil – Técnico: Tencati

12ª rodada - Brasil 1x0 Vitória – Técnico: Tencati

13ª rodada - Náutico 2x1 Brasil – Técnico: Tencati

14ª rodada - Avaí 1x1 Brasil – Técnico: Tencati

15ª rodada - Brasil 1x2 Sampaio Corrêa – Técnico: Jeferson Cirilo

16ª rodada - Guarani 2x0 Brasil – Técnico: Cléber Gaúcho

17ª rodada - Brasil 0x2 Coritiba – Técnico: Cléber Gaúcho

18ª rodada - Botafogo 1x0 Brasil – Técnico: Cléber Gaúcho

19ª rodada - Brasil 0x1 CSA – Técnico: Cléber Gaúcho

20ª rodada - Londrina 0x0 Brasil – Técnico: Cléber Gaúcho

21ª rodada - Brasil 1x1 Remo – Técnico: Cléber Gaúcho

22ª rodada - Vasco da Gama x Brasil

23ª rodada - Brasil x Confiança

24ª rodada - Goiás x Brasil

25ª rodada - Brasil x CRB

26ª rodada - Ponte Preta x Brasil

27ª rodada - Brasil x Brusque

28ª rodada - Cruzeiro x Brasil

29ª rodada - Brasil x Operário

30ª rodada - Brasil x Vila Nova

31ª rodada - Vitória x Brasil

32ª rodada - Brasil x Náutico

33ª rodada - Brasil x Avaí

34ª rodada - Sampaio Corrêa x Brasil

35ª rodada - Brasil x Guarani

36ª rodada - Coritiba x Brasil

37ª rodada - Brasil x Botafogo

38ª rodada - CSA x Brasil

A Hora e a Vez do Esporte

Acompanhe de segunda à sexta-feira, das 12 às 13 horas, o Programa A Hora e a Vez do Esporte pela Clic Rádio com apresentação de Celiomar Garcia. Envie a sua participação pelo WhatsApp 51-992004902.

Youtube do Clic Camaquã

Facebook do Clic Camaquã

Clic TV do Clic Camaquã

deixe seu comentário