Variedades

O REI DO POP: Morte de Michael Jackson completa 12 anos

Tido por muitos como o maior artista de todos os tempos, Michael Jackson morreu no dia 25 de junho de 2009, aos 50 anos de idade, tendo morte atribuída a uma overdose de medicamentos
Por: Elias Bielaski | Publicado: 25/06/2021 às 16:36 | Alterado: 02/07/2021 às 23:45
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

Tido por muitos como um dos maiores artistas de todos os tempos, o Rei do Pop nos deixou a exatos doze anos. Michael Joseph Jackson morreu no dia 25 de junho de 2009, aos 50 anos de idade, tendo morte atribuída a uma overdose de medicamentos.

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

Nascido no dia 29 de agosto de 1958 na cidade de Gary, no estado Norte-americano de Indiana, Michael Jackson foi um dos ícones culturais mais importantes e influentes de todos os tempos e um dos maiores artistas da história da música.

Suas contribuições para a música, a dança e a moda por mais de quatro décadas, juntamente com a divulgação de sua vida pessoal, fizeram dele uma figura global na cultura popular.

O oitavo filho da família Jackson, Michael fez sua estreia profissional em 1964, com seus irmãos mais velhos, Jackie, Tito, Jermaine e Marlon, como membro do grupo musical The Jackson 5.

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

Ele iniciou sua carreira solo em 1971, na Motown Records, e subiu para estrelato solo com Off the Wall (1979), que foi aclamado pela crítica.

No início dos anos 1980, Michael se tornou uma figura dominante na música popular. Seus vídeos musicais, incluindo os de "Beat It", "Billie Jean" e "Thriller" de seu álbum Thriller de 1982, são creditados por quebrar barreiras raciais e transformar o meio em uma forma de arte e ferramenta promocional.

Sua popularidade ajudou a trazer o canal de televisão MTV à fama.

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

Bad (1987) foi o primeiro álbum a produzir cinco singles número um da Billboard Hot 100. Jackson continuou a inovar ao longo dos anos 1990, com vídeos como "Black or White" e "Scream", e conquistou uma reputação como artista em turnê.

Através de performances de palco e vídeo, Jackson popularizou técnicas de dança complicadas, como o moonwalk, ao qual deu o nome. Seu som e estilo influenciaram artistas de vários gêneros.

Michael Jackson é um dos artistas musicais mais vendidos de todos os tempos, com vendas estimadas em mais de 350 milhões de discos em todo o mundo; Thriller é o álbum mais vendido de todos os tempos, com vendas estimadas em 66 milhões de cópias em todo o mundo.

Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

Seus outros álbuns, incluindo Off the Wall (1979), Bad (1987), Dangerous (1991) e HIStory: Past, Present and Future, Book I (1995), também estão entre os mais vendidos do mundo.

Ele ganhou centenas de prêmios (mais do que qualquer outro artista na história da música popular), foi introduzido duas vezes no Hall da Fama do Rock and Roll e é o único artista pop ou rock a ser incluído no Dance Hall of Fame.

Suas outras realizações incluem 39 recordes no Guinness World Records (incluindo o de artista de maior sucesso de todos os tempos), 15 Grammy Awards (incluindo os prêmios Legend e Lifetime Achievement), 26 American Music Awards e 13 singles número um da Billboard Hot 100 (mais do que qualquer outro artista masculino na história da Hot 100).

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

Jackson também foi o primeiro artista a ter um single dos dez primeiros na Billboard Hot 100 em cinco décadas diferentes. Em 2016, o patrimônio de Jackson era 825 milhões de dólares, o valor anual mais alto de uma celebridade já registrada pela Forbes.

No final dos anos 1980, Jackson se tornou uma figura de controversa por sua radical mudança de aparência, relacionamentos, comportamento e estilo de vida. Em 1993, ele foi acusado de abusar sexualmente do filho de um amigo da família.

O processo foi resolvido fora do tribunal e Jackson não foi indiciado. Em 2005, ele foi julgado e absolvido de outras acusações de abuso sexual infantil e várias outras acusações.

Em 2009, enquanto se preparava para a This Is It, Jackson morreu de overdose de sedativos administrados por seu médico pessoal, Conrad Murray. Os fãs de Jackson em todo o mundo expressaram sua tristeza e seu funeral público foi transmitido ao vivo.

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

deixe seu comentário