Polícia

Homem é assaltado por prostituta e acaba na Delegacia por não pagar motel

Em revista pessoal, foi encontrada uma quantia em dinheiro e um cartão de crédito, contudo, o sujeito reforçou que não pagaria a conta
Por: Elias Bielaski | Publicado: 21/06/2021 às 11:48 | Alterado: 28/06/2021 às 22:05 | Fonte: Com informações de Portal Independente
Imagem ilustrativa. Foto: Polícia Civil / Divulgação
Imagem ilustrativa. Foto: Polícia Civil / Divulgação

Durante o último final de semana, um caso inusitado foi registrado pela Polícia Civil de Lajeado, no Vale do Taquari. Após alegar ter sido assaltado por uma garota de programa, um homem foi detido ao se recusar a pagar a conta de um motel.

Quer ganhar um rancho do Krolow? Clique aqui!

Conforme o Portal Independente, o morador de Lajeado foi apresentado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) no sábado, 19 de junho. 

Ele foi levado até a DPPA pela Brigada Militar, que havia sido acionada para verificar um suposto furto sofrido pelo cliente do motel em questão.

No local, o indivíduo de 42 anos de idade alegou que havia sido furtado por uma garota de programa, que levou sua carteira, não tendo ele como pagar o consumo no estabelecimento.

Quer ganhar uma pizza? Clique aqui!

Um funcionário do motel informou que o suspeito havia ligado para a recepção informado que iria sair com sua companheira. Após ser aberta a porta, a mulher saiu e logo em seguida o homem, alegando que havia sido vítima de um suposto furto.

Foi realizada revista pessoal no cliente e encontrada uma quantia em dinheiro e um cartão de crédito. Ainda assim, o sujeito reforçou que não pagaria a conta.

O indivíduo, que aparentava sinais de embriaguez, foi apresentado na DPPA, onde foi confeccionado o registro por Outros Crimes.

Baixe agora o aplicativo da ClicRádio.

Na Delegacia ele mudou de ideia e relatou ter intenção de pagar a conta, de aproximadamente R$ 50. Posteriormente, ele foi liberado.

deixe seu comentário