Polícia

Jovens promoviam festas clandestinas para venda de drogas em Camaquã, diz delegada

Delegada Vivian Sander Duarte falou sobre prisões da Operação Tchau Covid; assista a entrevista
Por: Elias Bielaski | Publicado: 07/05/2021 às 10:25 | Alterado: 14/05/2021 às 23:43
Foto: ClicTV / Reprodução
Foto: ClicTV / Reprodução

Na manhã desta sexta-feira, 7 de maio, uma mega operação de combate ao tráfico de drogas foi realizada em Camaquã. A Operação Tchau Covid foi realizada pelos agentes da Delegacia de Polícia de Camaquã e resultou na prisão de três pessoas em flagrante e outras oito presas preventivamente.

A reportagem do Clic Camaquã foi até a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), onde são realizados os registros de praxe, para acompanhar o andamento dos registros de boletins de ocorrência.

ClicRádio e Afubra sorteiam dois smartphones.

Segundo apurado pela reportagem, grande parte dos presos são jovens que comercializavam drogas em festas clandestinas da cidade. A delegada Vivian Sander Duarte, responsável pela operação, contou que jovens promoviam festas clandestinas para a venda das drogas sintéticas apreendidas.

Confira a entrevista exclusiva com a delegada:

Confira a nota divulgada pela Polícia Civil:

"Na manhã de hoje, a Delegacia de Policia de Camaquã, através de investigação que busca coibir o tráfico de drogas sintéticas na cidade de Camaquã e região, deflagrou a operação “Tchau, Covid!”, cumprindo oito mandados de prisão preventiva e prendendo três homens em flagrante. Foram ainda cumpridos  nove mandados de busca e apreensão que lograram apreender drogas sintéticas, maconha, armas de fogo e celulares. A operação, coordenada pela Delegada Vivian Sander Duarte, contou com 45 agentes policiais, sendo 25 da região de Pelotas e 20 da região de Camaquã."

Receba as notícias do Clic no seu celular.

Durante o programa Bom Dia Camaquã, o repórter Igor Garcia trouxe informações exclusivas sobre o caso. O repórter trouxe mais informações sobre o andamento da investigação e trouxe detalhes sobre a realização da operação.

Confira a entrevista a partir de 1h25min de transmissão:

Inscreva-se no canal do Clic no YouTube.

deixe seu comentário