Política

Vereador fala sobre possibilidade de concorrer a deputado: "Nossos nomes estão a disposição"

Luciano Cabeça falou sobre possibilidade de candidatura à Assembleia Legislativa
Por: Elias Bielaski | Publicado: 26/04/2021 às 16:40 | Alterado: 03/05/2021 às 11:40
Luciano Pereira Dias no Bom Dia Camaquã. Foto: Elias Bielaski / ClicRádio
Luciano Pereira Dias no Bom Dia Camaquã. Foto: Elias Bielaski / ClicRádio

Nesta segunda-feira, 26 de abril, o programa Bom Dia Camaquã realizou mais um debate entre vereadores do município. O espaço para dois vereadores falarem sobre temas ligados à política é aberto todos os dias, às 9h, na programação da ClicRádio.

No primeiro dia da semana, participam Luciano Cabeça, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) e Vitor Azambuja, do Progressistas (PP). As matérias são feitas de forma individual.

Receba as notícias do Clic Camaquã no WhatsApp.

Na fala do presidente da Câmara, o destaque foi relacionado à Eleição de 2022. Questionado pelo apresentador Eduardo Costa, Luciano não descartou a possibilidade de que seu nome seja o escolhido para representar o seu partido e concorrer a uma cadeira da Assembleia Legislativa.

"Todos os nomes estão a disposição", destacou o vereador, se referindo às principais figuras do diretório municipal e dos diretórios das cidades da região. Ele defendeu que a candidatura seja uma construção junto ao partido e às necessidades da região:

"Vontade eu acredito que tem várias pessoas que tenha. Eu tenho meus pés bem no chão. Tendo o apoio, tendo o abraço do partido... Tu não pode só colocar o nome a disposição, tem que ter um planejamento."

Luciano lembrou que a possibilidade será debatida no dia 1º de maio, quando a Executiva Estadual se reúne para oficializar a entrada de Lucas Redecker como novo presidente Estadual do PSDB.

Inscreva-se no canal do Clic Camaquã no YouTube.

O vereador defendeu que a região possa eleger um, dois ou até três deputados estaduais. Segundo ele, é preciso haver um consenso, o que pode ocorrer dentro do PSDB, já que segundo o vereador, existe um senso comum de que a região precisa de um representante e a Executiva Estadual pode abraçar esta questão:

"Muitas vezes vai dez da região e não entra nenhum. Tem que conversar dentro do partido e regionalmente. Não apenas dentro da sigla partidária, porque temos que ter representantes!"

Confira a entrevista completa, disponível no Facebook e YouTube do Clic Camaquã:

deixe seu comentário