Mundo Animal

VÍDEO E FOTOS: Leão-marinho é flagrado na Lagoa dos Patos, em São Lourenço do Sul

O Corpo de Bombeiros isolou o local e orientou a população a não se aproximar do animal
Por: Eduardo Costa | Publicado: 31/10/2020 às 00:00 | Alterado: 22/04/2021 às 11:06
Leão Marinho na praia da Barrinha, em São Lourenço do Sul (foto: facebook)
Leão Marinho na praia da Barrinha, em São Lourenço do Sul (foto: facebook)
Leão Marinho na praia da Barrinha, em São Lourenço do Sul (foto: facebook)
Leão Marinho na praia da Barrinha, em São Lourenço do Sul (foto: facebook)

Um leão-marinho foi flagrado na manhã deste sábado (31) na beira da praia da Barrinha, em São Lourenço do Sul. O caso inusitado está chamando a atenção dos moradores da cidade e de turistas.

O Corpo de Bombeiros isolou o local e orientou a população a não se aproximar do animal. O leão-marinho é um mamífero que vive em regiões de baixas temperaturas e alimenta-se principalmente de peixes e de moluscos.

leão-marinho vive em regiões de baixas temperaturas e alimenta-se principalmente de peixes e de moluscos. Eles receberam este nome pois nos machos a pelagem é diferente da das fêmeas: eles têm uma espécie de juba, como a dos leões verdadeiros. Além disso, como eles têm um rugido grave, acabaram sendo chamados "leões".

Os leões-marinhos já estiveram muito próximos da extinção. Entre 1917 e 1953, mais de meio milhão desses animais foram abatidos por caçadores em busca de sua gordura e de seu couro, usado sobretudo na confecção de casacos.

Com a proibição da caça, esses animais, que chegam a pesar 300 quilos e a atingir 3 metros de comprimento (fêmea 140 kg e os machos 300 kg), começaram a se recuperar. Mesmo assim, ainda sofrem com a poluição das águas e, principalmente, com a pesca realizada com redes. Seus maiores predadores são o homem, as orcas e os tubarões.

deixe seu comentário